Faturamento da indústria brasileira cresce 1,3%, indica CNI

Cláudia Zucare Boscoli
Colaborador do Torcedores

O faturamento da indústria cresceu 1,3% no país em outubro na comparação com setembro.

A utilização da capacidade instalada avançou 0,1 ponto percentual em relação a setembro, alcançando 78% em outubro. O indicador é 0,5 ponto percentual maior do que o registrado no mesmo mês do ano passado.

As informações são da pesquisa Indicadores Industriais, divulgada nesta segunda-feira (2), pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Série de altas

Foi o quinto mês consecutivo de crescimento do indicador, que registra alta de 3,5% em relação a outubro do ano passado.

“A série de altas é uma excelente notícia, pois abre caminho para uma recuperação mais forte da atividade e até mesmo do emprego nos próximos meses. A expansão do faturamento é resultado do aumento da demanda, que vem proporcionando o ajuste dos estoques da indústria. A expectativa é que esse aumento da demanda se mantenha e passe a exercer influência cada vez maior na atividade industrial”, diz o economista da CNI Marcelo Azevedo.

Emprego estável

As horas trabalhadas na produção tiveram pequena queda de 0,1% em outubro frente a setembro e estão 0,1% maiores do que a do mesmo mês do ano passado.

O emprego ficou estável, a massa real de salários caiu 0,7% e o rendimento médio real do trabalhador recuou 0,3% em outubro frente a setembro.

Na comparação com outubro de 2018, o emprego registra queda de 0,3%, a massa real de salários tem retração de 1,9% e o rendimento médio do trabalhador encolheu 1,6%.

Se considera um investidor conservador? Então você está em risco de extinção!

O cenário econômico virou do avesso e o país já não é mais o mesmo.

As taxas de juros caíram à níveis jamais vistos no Brasil desde o final do governo Militar (imagem abaixo) e levaram os rendimentos de Renda Fixa para próximo de Zero (ou negativos no caso da poupança).

Italian Trulli

A nova equipe econômica está incentivando novos investimentos no país, e com isso já não é mais possível ganhar dinheiro confortavelmente na poupança e em CDBs comuns. Por isso, estamos declarando a Extinção do Investidor Conservador.

Se você faz parte dessa espécie de investidor que está em risco de extinção, confirme seus dados no formulário abaixo e fale com nossa equipe. Vamos te ajudar, sem dor e sem custo.