Petrobras fecha 2017 com prejuízo milionário

Prejuízo, de novo!

Patrícia Auth
Patrícia Auth é jornalista formada pela Univali de Itajaí/SC. Trabalhou em impressos, como o Jornal de Santa Catarina, e também, como repórter na Rede Record e RBS TV. É casada, mãe da Lívia e adoradora de boa música e gastronomia.Na equipe EuQueroInvestir, é responsável pela produção de vídeos, e também escreve e edita artigos para o site.Entre em contato com a Patrícia pelo e-mail: patricia.auth@euqueroinvestir.com

Crédito: Filling gas at the station. Fill the gas tank. Self service. Gas pump in the car. Refill oil, gasoline, diesel vehicle

A Petrobras fechou 2017 com perda de R$ 446 milhões. Foi o quarto ano seguido de prejuízo. O principal impacto foi o acordo fechado com investidores nos Estados Unidos, mas também houve influência da adesão a programas de regularização de débitos federais. A Petrobras informou que, sem o acordo com os investidores americanos, o resultado teria sido um lucro de pouco mais de R$ 7 bilhões de reais.

Positividade, sempre…

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse durante o Fórum Econômico Mundial, em São Paulo, que o crescimento da economia brasileira deve se estabilizar em torno dos 3% ao ano. Isso, segundo o ministro, depois que as reformas promovidas pelo governo Michel Temer surtirem efeito. Para Meirelles, esse seria o crescimento possível sem pressões inflacionárias, que obriguem o Banco Central a aumentar o juro básico para esfriar a economia.

Adeus, dívidas.

E complementando a notícia anterior… A queda da taxa básica de juros para 6,75% ao ano reduziu o custo de captação no mercado de capitais a tal ponto que está levando as empresas a aumentar o pré-pagamento de dívidas. Esse movimento alcança, inclusive, o BNDES. Nos dois primeiros meses deste ano, a quitação antecipada de dívida com o banco foi de R$ 2 bilhões de reais.

Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil

Crise institucional?

A manchete do portal Infomoney diz que a relação entre o governo do presidente Michel Temer e uma porção majoritária do Supremo Tribunal Federal (STF) voltou a apresentar riscos de uma crise institucional. Desde fevereiro, com as declarações de Fernando Segovia – na época diretor da Polícia Federal – sugerindo falta de indícios na investigação contra Temer no Inquérito dos Portos, o clima entre os poderes já estava balançado. Recentemente, a coisa piorou com a quebra do sigilo bancário do presidente por autorização do ministro Luís Roberto Barroso. Sem falar na decisão do magistrado que mudou o decreto de indulto natalino do governo.