Engie (EGIE3) aprova investimento de US$ 100 mi em parque eólico no Nordeste

Fernando Augusto Lopes
Redator e editor
1

Crédito: Divulgação/Engie

A Engie (EGIE3) aprovou terça-feira (8) contratação de empréstimo e respectiva operação de swap no valor de US$ 100 milhões para projeto de parque eólico a ser implantado no Nordeste do Brasil.

O valor inclui contratação dos aerogeradores e dos escopos civil e eletromecânico para o projeto.

“Nos termos, os conselheiros aprovaram, por unanimidade, a contratação de instrumentos de derivativos (swap), junto a bancos de primeira linha, com o objetivo de travar as taxas das operações de empréstimos, indexadas em % do CDI”, diz a Engie em nota ao mercado.

Perdeu a Money Week?
Todos os painéis estão disponíveis gratuitamente!

Invepar (IVPR4B) tem substituição de empréstimo-ponte junto ao BNDES

A Invepar (IVPR4B) e sua Via 040 aprovou substituição do empréstimo-ponte junto ao Banco Nacional Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

A proposta aprovada estará condicionada à assinatura do aditivo ao contrato de concessão, aderindo à relicitação em até dois meses contados da data de assinatura.

Além disso, depende da aprovação, pelo BNDES, da possibilidade dos fiadores realizarem a honra voluntária das cartas de fiança atualmente vigentes.

Assim, os bancos fiadores se tornariam credores diretos da Via 040 após.

O saldo devedor junto ao BNDES é R$ 873 milhões, avaliado em julho de 2020.

Os juros são CDI mais 1% ao ano, pagos trimestralmente de forma postecipada.

A amortização é em até 24 meses. Há renovações automáticas a cada 6 meses.

As garantias vão de penhor dos direitos creditórios da concessão à penhora de ações da companhia.

EMAE (EMAE3 e EMAE4) esclarece questionamento da CVM

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) questionou a EMAE (EMAE3 EMAE4) sobre movimentações atípicas em mercado com suas ações prefenreciais.

A EMAE é a Empresa Metropolitana de Águas e Energia de São Paulo.

A empresa, com relação ao caso, limitou-se a informar que não tem conhecimento de qualquer ato ou fato relevante a respeito.

No dia 3 de setembro, a EMAE havia informado sobre o encerramento de um processo licitatório, o que, na visão da empresa, pode ter causado a atipicidade das operações em bolsa.