Enauta (ENAT3) tem queda de 68,7% no lucro no 4TRI

Felipe Moreira
Especialista em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 8 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Certificações: CPA-10, CPA-20 e AAI. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

Crédito: Reprodução / Site / Enauta

A Enauta (ENAT3) apresentou lucro líquido de R$ 38,2 milhões no quarto trimestre de 2020, queda 68,7% em relação ao mesmo período de 2019.

No ano, o lucro atingiu 124,0 milhões, queda de 32,6% na comparação anual.

O resultado financeiro foi negativo em R$ 49,2 milhões, comparado a um resultado negativo de R$16,0 milhões no quarto trimestre de 2019.

Ebitda cai 50%

O Ebitda (lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização) da Enauta somou R$ 129,5 milhões no trimestre, recuo de 50,1% sobre a marca apresentada um ano antes.

A margem Ebitda atingiu 69,3%, elevação de 5 pontos porcentuais.

Conforme a Enauta, o recuo nos indicadores se deve principalmente a uma queda nas receitas no período.

Receita cai 52,8%

A receita líquida da Enauta foi de R$ 186,9 milhões, redução de 52,8% sobre o mesmo período de 2019.

O resultado foi impactado principalmente em função da redução da produção do Campo de Atlanta.

Capex

O capex realizado foi R$ 7,2 milhões, elevação de 300% na comparação com igual período de 2019.

Os aportes foram majoritariamente destinados ao Campo de Atlanta e aos blocos localizados na Bacia de Sergipe-Alagoas. O CAPEX total em 2020 foi de US$ 27milhões, em linha com a estimativa divulgada pela Enauta.

Caixa

A Enauta terminou 2020 com caixa líquido de R$ 1,495 bilhão.

A alavancagem financeira medida pela relação dívida líquida Ebitda ficou em 1,9 vez no final de 2020. Um ano antes era de 2,2 vezes.

Projeções para 2021 e 2022

A Enauta atualizou suas projeções de investimento para este ano e 2022. A petroleira estima investimentos em exploração, desenvolvimento e produção na ordem de US$ 40 milhões para 2021 e de US$ 105 milhões para 2022.

“Esta projeção possui margem de variação de 20% (vinte por cento) negativa ou positiva”, afirmou a Enauta.

Confira os principais destaques do balanço da Enauta: