Enauta (ENAT3) informa nova interrupção da produção no Campo de Atlanta

Felipe Moreira
Especialista em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 8 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Certificações: CPA-10, CPA-20 e AAI. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

Crédito: Reprodução / Site / Enauta

A Enauta Participações (ENAT3) informou nova interrupção da produção no Campo de Atlanta. Conforme fato relevante, o reparo no aquecedor foi realizado, e a produção  no  poço 7-ATL-4HB-RJS foi reiniciada.

No entanto, o equipamento não funcionou adequadamente e a companhia decidiu realizar sua troca definitiva, com prazo de retorno estimado ainda para o primeiro trimestre deste ano.

Acesse esse material especial para avaliar resultados, performance e dividendos dos melhores FIIs no mercado.

Os reparos e trocas dos equipamentos serão realizados pelo operador do FPSO.

A Enauta destaca que, enquanto esteve em operação, o poço 7-ATL-4HB-RJS atingiu pico de produção de 9,0 mil barris de óleo.

Você sabia que algumas das maiores oportunidades de ganhos da bolsa estão nas Small Caps? Quer saber mais sobre essas ações e como investir? 

Conforme a empresa, a interrupção não  altera o cronograma já divulgado de  retomada da produção dos demais  poços.

Quer começar o dia bem-informado com as notícias que vão impactar o seu bolso? Clique aqui e assine a newsletter EQI HOJE!

A Enauta reitera a estimativa de produção média diária do Campo para o ano de 2021 de 14,0milbarris de óleo por dia, com margem de variação de 10% negativa ou positiva quando verificada a média diária em base anual.

BRF (BFRS3): Kapitalo atinge 5,02% de participação

A BRF (BFRS3) informou, nesta terça-feira (26), que a Kapitalo atingiu participação de 5,02% no capital da companhia.

Cyrela (CYRE3): Truxt reduz participação a menos de 5%

A Cyrela (CYRE3) informou que a Truxt reduziu sua participação na empresa a menos de 5% do capital total da construtora.

JSL (JSLG3) compra a TPC por R$ 288,6 milhões

JSL (JSLG3) adquiriu a TPC pelo valor R$ 288,6 milhões, sendo R$66 milhões pago na data do fechamento
da Transação e o remanescente nos 3º e 6º meses subsequentes à data de fechamento.

Além disso, os vendedores farão jus a um prêmio de R$16,65 milhões a partir de 2024, caso determinadas condições sejam atingidas.

A implementação do contrato está condicionada ao cumprimento de obrigações e condições precedentes usuais a esse tipo de operação, incluindo sua submissão para aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica – CADE.

Em 2020, a TPC apresentou receita líquida de R$ 415 milhões, Ebitda de R$ 57,5 milhões, Lucro Líquido de R$15,4 milhões e um índice de alavancagem de Dívida Líquida/Ebitda de 1,9 vezes.

Monteiro Aranha (MOAR3) recebe aprovação para realização de oferta de ações

A Monteiro Aranha (MOAR3) informou que a CVM aprovou a realização de oferta pública de aquisição de ações por aumento de participação.

A companhia deverá providenciar, até 5 de fevereiro de 2021, a publicação do instrumento da oferta.

Um dos principais exercícios para a compra de uma ação é saber se ela está cara ou barata. Para isso, preparamos um material especial para ajudá-lo nesta análise.