Embraer, Petrobras e Disney poderão ser julgadas pelo Cade

Jéssica De Paula Alves
Jornalista e produtora de conteúdo
1

Crédito: Reprodução/Facebook Embraer

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) se prepara para julgar os processos de fusões e aquisições de empresas. Assim, a compra da Embraer pela Boeing deve ser julgada já nas primeiras sessões do plenário, em fevereiro. A informação é do jornal Valor Econômico.

A publicação ainda ressalta que as empresas como Petrobras e Disney ainda têm expectativa de julgamento. Esse crescimento no número de processos ocorre com a expetativa de uma retomada do crescimento econômico. E também com as privatizações do governo federal.

Mas o presidente do Cade, Alexandre Barreto, explicou em entrevista ao Valor que a intensificação nas ações será feito junto a agências reguladoras. Alguns casos são o leilão de telefonia 5G, de cobrança de tarifas em portos e da redistribuição dos slots da Avianca.

Ferramenta ajuda na escolha de suas ações de acordo com balanços

Assim, na entrevista, Barreto ressaltou que o número de atos de concentração analisados em 2019 foi em 8% superior a 2018. Para 2020, são esperados cerca de 450 processos.