EDP Brasil (ENBR3): lucro cai 15,3% no 3TRI20

Felipe Moreira
Especialista em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 7 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

Crédito: Divulgação

A EDP Brasil (ENBR3) registrou lucro líquido de R$ 299,8 milhões no terceiro trimestre de 2020. Isso representa queda de 15,3% na comparação com igual período do ano passado.

A receita líquida da EDP recuou 12,8% no terceiro trimestre deste ano, totalizando R$ 2,999 bilhões.

A margem bruta atingiu R$ 1,022 bilhão no período, uma redução de 8,9% em relação ao mesmo período de 2019.

Juliano Custódio. Henrique Bredda. Luiz Barsi. Gustavo Cerbasi.

Estamos Ao Vivo!

O resultado financeiro foi uma despesa de R$ 61 milhões, uma redução de 22,7% sobre as perdas do terceiro trimestre de 2019.

Ebitda sobe 45,9%

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) recuou 10,2% no trimestre, para R$ 699,4 milhões.

A margem Ebitda atingiu 13,5% no período, baixa de 8,3 p.p em relação ao terceiro trimestre de 2019.

O Ebitda ajustado somou R$ 590,1 milhões no terceiro trimestre de 2020, um aumento de 19,4%.

Investimentos e dívida

A dívida líquida da EDP encerrou R$ 5,801 bilhões, um aumento de 4,4% na comparação com igual período de 2019.

A relação Dívida Líquida/EBITDA dos ativos consolidados foi de 2,0 vezes e de 2,3vezes considerando a participação em Jari, Cachoeira Caldeirão e São Manoel.

Já o Capex totalizou R$ 477,5 milhões no trimestre, uma diminuição de 15,1% na comparação anual.