Economia brasileira deve avançar 2,1% em 2020, diz FocusEconomics

Jéssica De Paula Alves
Jornalista e produtora de conteúdo
1

Crédito: Foto: Ilustrativa

Em 2020, a economia brasileira deverá apresentar crescimento de 2,1%. Isso significa uma recuperação da confiança e a política monetária acomodatícia. O levantamento é da FocusEconomics, de acordo com o site Ivesting.com. Os dados foram coletados em novembro.

Para a América Latina, de acordo com o site, as perspectivas de crescimento para no próximo ano foram reduzidas pelo quinto mês consecutivo em dezembro. Além disso, os gastos das famílias devem receber um impulso de recursos do FGTS.

O estudo aponta ainda que a Argentina está pronta para permanecer em recessão pelo terceiro ano consecutivo. Tensões sociais aumentadas, incerteza política e demanda global morna obscurecem as perspectivas da região. Assim, a estimativa é de retração de 1,8% no PIB.

A situação preocupa os investidores devido ao novo governo, juntamente com a inflação e as taxas de juros muito altas. Poryanto, o risco de uma baixa desordenada da dívida e políticas insustentáveis tornam as perspectivas mais incertas.

Em relação ao Brasil, o levantamento aponta que a economia está ganhando força gradualmente, embora em um nível moderado. Os dados de setembro foram positivos para o terceiro trimestre da economia doméstica, com a atividade econômica e as vendas no varejo.

Quer começar o dia bem-informado com as notícias que vão impactar o seu bolso? Clique aqui e assine a newsletter EQI HOJE!