Análises e PrevisõesInvestimentosO seu guia do Tesouro Direto

É no stress que se testa o perfil de investidor

Avalie este artigo!

Hoje em dia, é comum que o investidor em algum momento, principalmente no início de sua jornada, se depare com um teste de perfil de investidor (também chamado de Suitability). Trata-se de um pequeno questionário, de mais ou menos 8 perguntas que, ao serem respondidas, indicarão qual é o seu perfil de risco.

Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil

Em outras palavras, através de perguntas investigativas e de uma atribuição de pesos a cada resposta, chega-se a um rótulo, dentre os quais, destacam-se: CONSERVADOR, MODERADO, DINAMICO ou AGRESSIVO.

Esses são os rótulos (perfis) mais usuais encontrados nos testes das corretoras e dos segmentos de alta renda da rede bancária.

O-papel-do-investidor

Em algumas corretoras e/ou bancos, como por exemplo na XP Investimentos, o investidor não pode investir em desacordo com o perfil identificado. Digamos que determinado investidor seja CONSERVADOR; e o mesmo quer investir em ações. Ele será obrigado a assinar (aderir) a um termo de ciência de risco, indicando que conhece os riscos do mercado de ações e que, mesmo assim, deseja participar disso.

 

Até aqui, vida que segue, tudo normal na teoria.

O problema começa na prática.

Em dias turbulentos como os que estamos vivendo, ouvi muitos dizeres: “Denys, com essas quedas, greve dos caminhoneiros, etc, acho que não tenho o perfil moderado; e sim, sou conservador”. Ou: “Eu sou moderado e agressivo se é para ganhar dinheiro; se é para perder, como o que está ocorrendo nesses últimos dias, eu quero ser conservador”.

Ou seja, ao sabor do mercado e das oscilações dos preços dos ativos, o investidor define o seu perfil; que no final das contas, torna-se um perfil temporário. Em tempos bons, o cidadão quer ser agressivo; em tempos ruins, quer ser o mais conservador possível. Eu também quero isso; e também quero que Papai Noel exista!


Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil


Tudo errado!

Fazendo dessa forma, o investidor PERDERÁ dinheiro. Lembre-se, caro leitor, o mercado financeiro é um mercado em que o impaciente transfere renda para o paciente. E, para ganharmos dinheiro e conseguirmos construir um patrimônio a longo prazo, é necessário investir dentro do perfil correto.

stress_trabalho

Do contrário, em momentos de estresse, o investidor que não é conservador, e que tenha alguma coisa de renda variável em carteira (podendo ser, portanto, moderado, dinâmico ou agressivo) será levado ao erro clássico: comprar na alta, vender na baixa.

O investidor que se sente animado com as altas; e desanimado com as baixas, e que não compreende a dinâmica do mercado (os sobes e desces) não pode investir em nada que não seja conservador.

Se você está desconfortável com o momento atual, talvez (pra não dizer que é certeza) você esteja investindo em ativos não recomendados para o seu perfil.

 

Por exemplo: ativos como as NTNs-B (tesouros ipca) e LTNs (tesouros prefixados) sofreram fortes desvalorizações nos últimos dias. Tem papel que perdeu mais de 15%. O investidor de tesouro deve ter isso gravado em sua mente: no decorrer do caminho até o vencimento do título, o papel OSCILA. E pode OSCILAR MUITO. Se você quer vender antes do vencimento, esteja ciente disso. E, se você quer levar até o vencimento, também saiba que o título (e que o saldo da sua conta) também vai oscilar até a última data.

 

7buy6tjvoo0un2v5kd9dg6g0t - É no stress que se testa o perfil de investidor

Bom, hoje estou escrevendo essa newsletter para que você, investidor, reveja o seu perfil e a sua tolerância ao risco. E, diante disso tudo, creio que a culpa não seja só do investidor; é também da forma como os questionários de perfil são elaborados e como o assessor aborda a questão do risco.

Para corrigir isso, eu costumo “assustar” meus clientes e investidores. Antes dele iniciar seus investimentos com a minha assessoria, eu costumo largar frases como:

“Fulano, você quer investir em ações, certo? Como você se sentirá, se em um dia ou uma semana, as suas ações caírem 50%? Perderás o sono? Se sim, não invista!”

A ideia é mostrar o pior cenário possível. Se tudo der errado, até quanto determinado investimento ou determinada carteira poderá perder. Ao demonstrar o limite, o investidor é “convidado” a sentir aquele frio na barriga e, com isso, revelar com maior precisão o seu real perfil.

Podemos resumir, de forma prática, o que podemos esperar (mais ou menos) no pior cenário das carteiras, da seguinte forma:

  • PERFIL CONSERVADOR: pior cenário tendo algum ou outro mês com rendimento abaixo do CDI, mas não negativo.
  • PERFIL MODERADO: pior cenário tendo rendimento mensal de -1 a -2%.
  • PERFIL DINAMICO: pior cenário tendo rendimento mensal de -2% a -5%.
  • PERFIL AGRESSIVO: pior cenário tendo rendimento mensal de -5% a -20%.

Claro, isso tudo vai depender da forma como a carteira é montada; e de quais ativos que compõem o portfólio do investidor.

investidor

Bom, espero ter ajudado, com essa “puxada de orelha” àqueles investidores que não estão “aguentando a pressão” nesses momentos de maior incerteza e de retornos negativos em algumas classes de ativos.

Até a próxima!

Denys Wiese

Denys Wiese, bacharel em Ciências Econômicas pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e bacharel em Administração de Empresas pela Universidade Estadual de Santa Catarina (ESAG-UDESC) iniciou suas atividades profissionais no mercado financeiro em 2009 como operador de bolsa de valores. Já atuou como operador, assessor, professor e escritor, sempre em atividades ligadas às finanças. Entre 2014 e 2017, atuou também com consultoria tributária. Hoje é sócio fundador do site EuQueroInvestir, assessor de Investimentos da XP Investimentos (pelo AAI Indice Investimentos). Atua no segmento de alta renda, no aconselhamento e assessoramento em investimentos no mercado financeiro.
Contato: denys.wiese@euqueroinvestir.com

Artigos Relacionados

Close