Direcional (DIRR3), Tenda (TEND3), Lavvi (LAVV3) e RNI (RNDI3) divulgam prévia operacional

Regiane Medeiros
Colaborador do Torcedores
1

Crédito: Divulgação Direcional

A Direcional (DIRR3) registrou o 5º recorde nas vendas líquidas dos últimos 6 trimestres, alcançando R$ 643 milhões, alta de 40,2% na base anual.

No acumulado dos nove meses de 2021, as vendas líquidas atingiram R$ 1,8 bilhão, crescimento de 53% sobre o mesmo período de 2020.

Já a velocidade de vendas líquidas do 3T21, medida pelo indicador VSO (Vendas Líquidas sobre Oferta), atingiu índice de 17% no consolidado. No acumulado de 2021, o VSO foi de 36%.

No trimestre, a companhia lançou 10 novos empreendimentos/etapas, somando um VGV total de R$ 1,1 bilhão, um crescimento de 88% na comparação com o 3T20. No acumulado de nove meses, observou-se um crescimento de 129% que contribuiu para um VGV de R$ 2,4 bilhões.

A Direcional informou ainda que encerrou o 3T21 com 14.573 unidades em estoque, totalizando VGV de R$ 3,2 bilhões.

Tenda (TEND3): prévia operacional

As vendas líquidas da Tenda (TEND3) encerraram o 3T21 em R$ 770 milhões, alta de 4% no ano. Já nos primeiros nove meses de 2021 as vendas liquidas contabilizaram R$ 2,3 bilhões, o que reflete um aumento de 33%.

No trimestre, o VSO da companhia foi de 33% enquanto no ano bateu os 60%.

A Tenda lançou 11 empreendimentos no 3T21 totalizando um volume de R$ 634 milhões, queda de 36% no ano. No acumulado foram lançados 41 projetos somando um VGV de R$ 2,2 bilhões, aumento de 25% em relação ao mesmo período do ano passado.

RNI (RNDI3): prévia operacional

As vendas líquidas da RNI (RNDI3) para o 3T21 totalizaram R$149 milhões, 8% superior ao  3T20. No acumulado dos nove meses de 2021, a companhia registrou R$481 milhões em vendas líquidas, 26% superior aos 9M20.

No terceiro trimestre, a RNI lançou em parceria com a incorporadora Stéfani Nogueira o empreendimento Magnólia, localizado em Ribeirão Preto/SP, totalizando R$79 milhões em VGV. Já nos nove meses do ano, a RNI atingiu R$ 480 milhões em VGV lançado, 40% maior na base anual.

Em 30 de setembro de 2021, o VGV total dos estoques a valor de mercado era R$ 641 milhões, correspondendo a 3.665 unidades.

O estoque concluído %RNI passou a representar 5% do total, redução de 1 p.p. em relação ao trimestre anterior.

Lavvi (LAVV3): prévia operacional

As vendas líquidas contratadas no 3T21 totalizaram R$192 milhões, apresentando crescimento de 469% quando comparado ao 3T20. No acumulado do ano, as vendas líquidas totalizam R$785 milhões, 965% acima do volume vendido ao longo do 9M20.

A companhia informou que o VSO foi de 27% no 3T21, sendo que o VSO de lançamentos foi de 44%. O VSO acumulado em 12 meses foi de 69%, e de 61% no 9M21.

No trimestre, a companhia lançou 1 empreendimento, somando um VGV total de R$ 331 milhões.

Ao final do 3T21, o estoque a valor de mercado era de R$504 milhões, correspondendo a 536 unidades.

Banco Pine (PINE4) prévia

O Banco Pine (PINE4) reportou um aumento de 27% na originação de crédito no segundo trimestre, totalizou R$ 1,1 bilhão.

Já a produção do crédito no segmento Grandes Empresas cresceu 61% quando comparado ao 3T20.

A companhia informou que liberou aproximadamente 1,7 mil operações de crédito no trimestre, principalmente com produtos de desconto.

CPFL(CPFE3) conclui aquisição

A CPFL(CPFE3) informou que concluiu a aquisição de aproximadamente 66% do capital social total da Companhia Estadual da Transmissão de Energia Elétrica (“CEEE-T”).

“A conclusão da aquisição está alinhada ao objetivo estratégico da CPFL Energia e possibilitará maior geração de valor aos seus acionistas”, destacou a empresa.