Brasil deve ter o pior desempenho entre as 10 maiores economias; veja mais notícias

Felipe Moreira
Especialista em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 8 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Certificações: CPA-10, CPA-20 e AAI. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

O Brasil deve ter o pior desempenho econômico entre as dez maiores economias mundiais, considerando o critério da PPC (paridade de poder de compra), que reflete as diferenças de custo de vida entre os países, de acordo com estudo feito a pedido da Folha de S. Paulo pelo FGV Ibre.

Se for considerado o tamanho das economias mundiais com base no PPC, o País deve permanecer em 2021 na 8ª posição pelo terceiro ano seguido. Em 2018, foi o sétimo colocado.

Atingir um patrimônio de R$ 100 mil é para poucos, saiba quais são as melhores atitudes e aplicações para multiplicá-lo

No ano passado, o Brasil conseguiu diminuir a distância para a maioria dos países que estão à sua frente, exceto em relação à China e Indonésia, que tiveram desempenho econômico melhor.

Em 2021, as sete maiores economias do mundo têm desempenho superior à brasileira, de acordo com estimativa do FMI, que é mais otimista que a do governo brasileiro.

Confiança do investidor com Brasil cai com incertezas

O atraso no cronograma de vacinação contra a covid-19 no Brasil e os ruídos políticos pesaram na confiança do investidor com a economia e nas suas preferências de alocação, conforme informou o Valor.

O otimismo que se via no início do ano, ao fim do primeiro trimestre perdeu tração e ficou abaixo dos mercados globais, de acordo com o sondagem do UBS.

Ala política articula corte de R$ 2,5 bi em despesas obrigatórias

A ala política do governo articula junto ao Congresso a recomposição de aproximadamente R$ 2,5 bilhões que foram cortados de investimentos e ações que são vitrine eleitoral no Orçamento de 2021, de acordo com apuração do Estadão/Broadcast.

A estratégia seria executada por meio de um novo corte em despesas obrigatórias no projeto de lei enviado pelo próprio governo para desfazer a “maquiagem” feita nesses gastos pelos parlamentares.

Defesa do governo na CPI mobiliza milícias digitais

Senadores da comissão que tem o governo Bolsonaro como foco dizem ter sido alvo de uma campanha orquestrada de ataques virtuais, conforme informou o Estadão.

As mensagens incluem desde a disseminação de fake news, como a publicação de declarações descontextualizadas, até ameaças veladas. Os parlamentares receberam “dossiês” apócrifos contra adversários políticos do presidente em seus gabinetes.

Supremo ordena governo adotar renda mínima e fazer o Censo

O Supremo Tribunal Federal (STF) impôs a regulamentação da concessão de um benefício de renda básica, prevista numa lei aprovada há 17 anos, de autoria do ex-senador Eduardo Suplicy, e que nunca saiu do papel.

Enquanto a decisão liminar de Marco Aurélio ordena a realização do Censo.

Durante a tramitação do Orçamento de 2021, o relator, senador Marcio Bittar (MDB-AC), retirou aproximadamente R$ 2 bilhões para a realização do Censo este ano e redistribuiu a verba para emendas parlamentares.

Butantan inicia a produção de sua nova vacina

O Instituto Butantan protolocou pedido de testes com voluntários, mas a Anvisa solicitou mais informações ao laboratório, segundo reportagem do Valor.

Atualização Covid-19

O Brasil teve 3.163 óbitos confirmados por covid-19 nas últimas 24 horas, elevando o total de vítimas a 398.185. Os novos casos positivados foram 79.726, de um total de 14.521.289 milhões.

Planilha de Ativos

Um dos principais exercícios para a compra de uma ação é saber se ela está cara ou barata. Para isso, preparamos um material especial para ajudá-lo nesta análise.