Valorização de commodities ajuda, mas retomada exige vacina; veja mais notícias

Felipe Moreira
Especialista em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 8 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Certificações: CPA-10, CPA-20 e AAI. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

A forte alta das commodities abriu espaço para estimativas de superávit recorde da balança comercial brasileira e termos de troca superiores (relação entre preços de exportação e de importação) aos de 2011, no auge do que foi chamado o “boom” desses ativos, conforme informou o Valor.

Cenário de bonança promovido pelo impulso externo pode ampliar de aproximadamente 40% em 2020 para cerca de 45% neste ano a participação das cadeias de commodities no PIB. No entanto, desempenho das commodities não é suficiente para garantir a retomada econômica do País. Brasil depende da vacinação para avançar.

Atingir um patrimônio de R$ 100 mil é para poucos, saiba quais são as melhores atitudes e aplicações para multiplicá-lo

Crise causada pela covid desorganiza a economia

Um dos impactos da crise econômica e sanitária derivada da covid-19 foi provocar uma desorganização da economia. Num primeiro momento, o fechamento total das atividades presenciais mundo afora provocou uma freada nunca vista na atividade. Mas, enquanto alguns setores foram atingidos em cheio, outros sofreram menos. Com o passar dos meses, essa desigualdade se refletiu também na recuperação, de acordo com reportagem do Estadão.

Estudo do Ibre/FGV mostra que setor de serviços respondeu por quase metade da queda de 4,1% no PIB em 2020, perdendo R$ 144,9 bi. Agora, enquanto agronegócio, indústria extrativa e tecnologia crescem, segmento volta a sofrer com segunda onda.

Fiocruz produz apenas uma em cada 6,5 doses

O Instituto Fiocruz é responsável somente por um em cada 6,5 doses. Atrasos na produção do imunizante Oxford/AstraZeneca pela instituição afetaram o ritmo da vacinação contra covid-19 e geraram desconfiança sobre suas previsões entre cientistas e profissionais de saúde, conforme informou o jornal Estadão.

CPI da Covid mira ‘gabinete do ódio‘ e difusão de fake news

Senadores de oposição e independentes vão mirar estrutura de apoio ao governo nas redes sociais e falta de campanhas de conscientização sobre a Covid, de acordo com o jornal O Globo.

O depoimento de Fabio Wajngarten, ex-titular da Secretaria de Comunicação Social (Secom) de Jair Bolsonaro, na quarta-feira, é considerado central pelos parlamentares para investigar ambas as frentes.

A demora do governo em assinar o contrato para a compra de vacinas da Pfizer também será um assunto, já que Wajngarten atribuiu a falha ao Ministério da Saúde, então comandado por Eduardo Pazuello.

Atualização Covid-19

O Brasil teve 1.024 óbitos confirmados por covid-19 nas últimas 24 horas, elevando o total de vítimas a 422.340. Os novos casos positivados foram 38.911, de um total de 15.184.790 milhões.

Planilha de Ativos

Um dos principais exercícios para a compra de uma ação é saber se ela está cara ou barata. Para isso, preparamos um material especial para ajudá-lo nesta análise.