Senado deve votar corte de jornada e salário; veja mais notícias

Felipe Moreira
Especialista em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 8 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Certificações: CPA-10, CPA-20 e AAI. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

O Senado decidiu pautar projeto que permite às empresas cortarem até o fim do ano jornada e salário dos empregados ou suspenderem contratos, nos mesmos moldes do programa adotado no ano passado, de acordo com reportagem do Estadão.

Como contrapartida, o governo complementaria a renda dos trabalhadores atingidos com o BEm.

A equipe chefiada por Paulo Guedes discute reeditar o programa por meio de medida provisória (MP), mas ainda esbarra no impasse jurídico em torno da abertura de um novo crédito extraordinário, fora do teto de gastos, para bancar a rodada do benefício.

Dificilmente a Selic subirá a um nível que não estimule a economia, diz Campos Neto

O presidente do Banco Central, Campos Neto, disse que o cenário precisa ir a um patamar bem diferente para que a instituição eleve os juro a um nível não estimulativo.

Segundo economistas ouvidos pelo Valor, a Selic em torno de 6,25% e 6,50% não estimularia atividade econômica no País.

Receita diz que só rico lê e pode retirar isenção tributária de livros

Em relação ao projeto de fusão da PIS/Cofins em um único tributo, a Receita Federal afirmou que os livros podem perder a isenção tributária porque são consumidos pela faixa mais rica da população (acima de 10 salários mínimos).

Com a arrecadação a mais, a Receita diz que o governo poderá focar em outras políticas públicas, como ocorre em medicamentos, na área de saúde, e em educação. As informações são do Estadão.

STF decidirá se empresas devem R$ 100 bi à União

As empresas poderão terminar o dia de hoje com uma dívida bilionária com a União. A confirmação depende de um julgamento no Supremo Tribunal Federal (STF), de acordo com reportagem do Valor.

Os ministros têm até a meia-noite para decidir se a Receita Federal poderá cobrar valores que deixaram de ser pagos, no passado, por aquelas que não contabilizaram o terço de férias no cálculo da contribuição previdenciária patronal.

Agronegócio tem impacto restrito, mas não blinda varejo

Apesar da riqueza gerada pela agropecuária no Centro-Oeste e Sul, levando a um avanço na renda da população, entidades setoriais e varejistas locais dizem que a boa fase não “blindou” esse mercado da crise da pandemia, conforme informou o Valor.

MP quer que TCU alerte Bolsonaro sobre risco de crime fiscal

O Ministério Público, junto com o TCU, pediu que a Corte previna o presidente Bolsonaro de que ele pode incorrer em crime de responsabilidade de sancionar sem vetos o Orçamento, conforme informou o jornal O Globo.

Brasil bate pela primeira vez 4 mil mortes diárias

O País registra pela primeira vez 4 mil mortes em um dia. Marca foi atingida duas semanas após o patamar de 3.000 óbitos diários.

A curva de mortes tem se acelerado nas últimas semanas e alguns especialistas dizem que o Brasil está a caminho dos 5 mil óbitos por dia.

Atualização Covid-19 

O Brasil teve 4.195 óbitos confirmados por covid-19 nas últimas 24 horas, elevando o total de vítimas a 336.947. Os novos casos positivados foram 86.979, de um total de 13.100.580 milhões.