Brasil terá investimentos de R$ 48 bi após leilões; veja mais notícias

Felipe Moreira
Especialista em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 8 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Certificações: CPA-10, CPA-20 e AAI. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

Uma série de leilões de infraestrutura concluída no mês passado representará R$ 48 bilhões em novos investimentos no Brasil, ao longo dos próximos 35 anos, de acordo com o Valor.

Foram seis dias de disputas na Bolsa, 14 novos contratos de concessão gerados em abril e ao menos seis liminares cassadas pela Justiça, que tinham o objetivo de impedir as licitações.

Atingir um patrimônio de R$ 100 mil é para poucos, saiba quais são as melhores atitudes e aplicações para multiplicá-lo

Planilha de Ativos

Um dos principais exercícios para a compra de uma ação é saber se ela está cara ou barata. Para isso, preparamos um material especial para ajudá-lo nesta análise.

Crise aprofunda distância entre o varejo regional e o nacional

A crise econômica e sanitária derivada da pandemia de Covid-19 aumentou a distância entre o varejo regional e o nacional, conforme informou o jornal Valor.

Segundo levantamento da GfK Brasil, grandes varejistas cresceram 36,5% em faturamento em 2020 enquanto a receita nas redes locais subiu 2,1%.

Boom de minério de ferro gera emprego e investimentos

Com aumento da demanda global, preço do produto no exterior se aproxima do pico histórico e eleva ganhos de mineradoras brasileiras.

A receita do setor deve crescer 29% e bater em R$ 270 bilhões, enquanto pequenos grupos puxam novos projetos, conforme informou o jornal Estadão.

Equipe de econômica não vê forma de bancar mais obras

A equipe chefiada por Paulo Guedes não vê como bancar obra cortando aposentadoria. Projetos de habitação popular e saneamento podem parar por falta de verba, de acordo com a Folha de S. Paulo.

A proposta de reduzir a projeção desses gastos para retomar a verba para obras e ações na área de meio ambiente tem sido articulada pela ala política do governo com o Congresso, que deve votar nesta semana um projeto de alterações no Orçamento de 2021.

Para resolver o impasse, o presidente Bolsonaro vetou aproximadamente R$ 20 bilhões em despesas e bloqueou outros R$ 9 bilhões de gastos, que serão liberados se houver dinheiro ao longo do ano.

Estrangeiro reduz participação em IPOs no Brasil

O investidor estrangeiro diminuiu sua participação em aberturas de capital de empresas brasileiras de cerca de 70% para 30% nos últimos dez anos, conforme informou a Folha de S. Paulo.

Se mantiver ritmo, Brasil poderá vacinar prioritários até junho

Brasil abre a semana com cerca de 11 milhões de novas vacinas contra a Covid-19 à disposição. As novas remessas que chegaram possibilitam que o país vacine no ritmo considerado ideal pelos pesquisadores: 1,5 milhão de doses por dia, de acordo com o jornal O Globo.

Atualização Covid-19

O Brasil teve 1.202 óbitos confirmados por covid-19 nas últimas 24 horas, elevando o total de vítimas a 407.639. Os novos casos positivados foram 28.935, de um total de 14.754.910 milhões.