Petrobras (PETR4) sobe com alta do petróleo; ANIM3 dispara

Felipe Moreira
Especialista em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 7 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

A Petrobras (PETR4) é um dos destaque positivos do Ibovespa acompanhando a alta do petróleo no mercado internacional. Por volta das 11h, ação da estatal registrava ganhos de 3,93%.

Ânima Educação (ANIM3) anunciou nessa segunda-feira (2) que assinou contrato com a Laureate para aquisição de todos os ativos da norte-americana no Brasil. A finalização do negócio ocorreu após acordo com a Ser Educacional (SEER3), que tinha dado o lance inicial pelo grupo. Com isso, ação da companhia salta mais de 5%.

Já o BB Seguridade (BBSE3) que chegou a subir mais de 5%, opera em alta de 2,66%. O BB Seguridade (BBSE3) registrou um lucro líquido ajustado de R$ 1,096 bilhão no terceiro trimestre, alta aumento de 1,3% frente o mesmo período do ano passado.

BDRs, Day Trade, Unicórnios e novos IPOs.

Hoje é dia de insights para investir em 2021.

No acumulado de janeiro a setembro, porém, o resultado líquido recuou 6,6%, a R$ 2,691 bilhões.

A varejista B2W (BTOW3) é a maior alta do Ibovespa, com ganhos de 4,40%. Seguida de CSN (CSNA3) +4,04% e IRB (IRBR3) +3,91%. Vale lembrar que a CSN foi maior alta entre os papéis do Ibovespa em outubro.

Ambev (ABEV3) opera em alta de 3,12%, após o Citi recomendar a compra da ação com preço-alvo de R$ 15,50.

Duratex (DTEX3): lucro cresce 3,4 vezes

A Duratex (DTEX3) registrou lucro líquido de R$ 123,939 milhões no terceiro trimestre deste ano, alta de 347,5% em relação ao mesmo período do ano passado. Como resultado, a ação sobe 1,88%.

O lucro líquido recorrente foi de R$ 175,719 milhões, alta de 476,6%. O lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês), ajustado e recorrente somou R$ 433,8 milhões, alta de 82,3%.

JBS (JBSS3): acionistas aprovam ação contra irmãos Batista

Os acionistas da JBS (JBSS3) decidiram entrar com ação de responsabilidade contra Wesley e Joesley Batista, e contra Florisvaldo Caetano de Oliveira e Francisco de Assis e Silva, também na condição de ex-administradores. A ação se dá “por  prejuízos  causados  à  companhia   por administradores,  ex-administradores  e  controladores  envolvidos  nos  atos  ilícitos  confessados nos  Acordos  de  Colaboração  Premiada”.

Os papéis da JBS avançam 1,08% no pregão desta terça-feira.

Telefonica (VIVT4) vende CyberCo Brasil para TTech

A Telefônica (VIVT4) informa que vendeu a sua controladora CyberCo Brasil à TTech, pelo valor total de R$ 116,411 milhões.

Foram transferidos à CyberCo Brasil ativos, contratos e empregados, todos estritamente relacionados às atividades de cybersecurity. A ação da Vivo recua 0,28%.

Copasa (CSMG3) tem alta de 24,4% no lucro no 3TRI

Copasa (CSMG3) reportou lucro líquido de R$ 240,5 milhões no terceiro trimestre de 2020, crescimento de 24,4% em relação ao mesmo trimestre de 2019.

O resultado financeiro foi uma despesa de R$ 37,8 milhões, uma redução de 3,4% na comparação anual.

A ação da Copasa sobe 5,56%.

Paranapanema (PMAM3) reverte lucro em prejuízo

O prejuízo líquido da Paranapanema (PMAM3) foi de R$ 166 milhões no terceiro trimestre, revertendo lucro líquido de R$ 140,1 milhões no mesmo período de 2019.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) somou R$ 3,668 milhões, queda de 98%. Os papéis da companhia operam em alta de 1,26%

Pague Menos (PGMN3) reverte prejuízo

Pague Menos (PGMN3) reportou lucro líquido ajustado de R$ 40,2 milhões no terceiro trimestre de 2020, revertendo o prejuízo de R$ 9,2 milhões do mesmo período do ano passado. A ação da Pague Menos sobe 0,73%.

Dasa (DASA3) conclui aquisição da São Marcos

Dasa (DASA3) adquiriu a totalidade das ações da São Marcos Saúde e Medicina Diagnósticos.

A DASA esclarece que a aquisição foi realizada de forma direta e integralmente em dinheiro, portanto, sem qualquer direito de recesso.

CVM retoma julgamentos da Petrobras (PETR4)

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) retoma hoje julgamentos envolvendo ex-diretores e ex-conselheiros da Petrobras e auditores responsáveis pelos balanços contábeis da companhia. As sessões haviam sido suspensas em agosto, atendendo a pedido de vista.

Quer saber mais como investir no mercado de ações? Preencha o formulário abaixo que um assessor da EQI Investimentos poderá ajudá-lo a encontrar as melhores opções.