CSN Mineração (CMIN3) tem queda de 45% no lucro do 3TRI21

Felipe Alves
Jornalista com experiência em reportagem e edição em política, economia, geral e cultura, com passagens pelos principais veículos impressos e online de Santa Catarina: Diário Catarinense, jornal Notícias do Dia (Grupo ND) e Grupo RBS (NSC).
1

O lucro líquido da CSN Mineração (CMIN3) caiu 45% no terceiro trimestre de 2021 (3TRI21).

A empresa registrou lucro de R$ 804 milhões ao fim de setembro deste ano contra R$ 1,46 bilhão do mesmo período de 2020.

Veja aqui o balanço do 3TRI21.

CSN Mineração (CMIN3): principais números do balanço do 3TRI21

Lucro líquido

Lucro 3TRI21: R$ 804 milhões

Lucro 3TRI20: R$ 1,46 bilhão

Ebitda ajustado

Ebitda 3TRI21: R$ 911 milhões

Ebitda 3TRI20: R$ 2,66 bilhões

Receita líquida

Receita 3TRI21: R$ 2,78 bilhões

Receita 3TRI20: R$ 3,930 bilhões

Ebitda ajustado cai 66%

O Ebitda Ajustado da CSN Mineração atingiu R$ 911 milhões no 3TRI21, com margem Ebitda trimestral de 33% ou 34 p.p. inferior à registrada no 2TRI21.

“O fraco desempenho dos preços realizados em razão da queda do Platts e do efeito não recorrente do alto provisionamento nas vendas realizadas em períodos anteriores, aliado ao menor volume de minério comercializado com aumento do custo de frete C3 foram os principais responsáveis pela diminuição das margens da CSN Mineração no período”, afirma a empresa.

Em relação ao 3TRI20 o Ebitda ajustado caiu 66%.

Receita da CSN Mineração tem queda de 29%

No 3TRI21, a receita líquida ajustada totalizou R$ 2,783 bilhões, 62% inferior à registrada no trimestre anterior, como consequência da combinação de menores preços realizados e um menor volume de vendas em razão das cargas não vendidas.

Em relação ao 3TRI20 a receita caiu 29% já que no período a CSN Mineração tinha registrado receita de R$ 3,930 bilhões.

Já o resultado financeiro foi positivo em R$ 138 milhões no 3T21, como efeito da variação cambial verificada no período.