CSN (CSNA3) retoma Alto-Forno 2, paralisado desde maio deste ano

Felipe Alves
Jornalista com experiência em reportagem e edição em política, economia, geral e cultura, com passagens pelos principais veículos impressos e online de Santa Catarina: Diário Catarinense, jornal Notícias do Dia (Grupo ND) e Grupo RBS (NSC).
1

Foto: CSN

A Companhia Siderúrgica Nacional (CSNA3) informou nesta quinta-feira (19) que retomou a produção do Alto-Forno 2, após paralisação temporária.

A paralisação da usina de Volta Redonda (RJ) havia sido informada ao mercado em 29 de maio de 2020 por meio de fato relevante.

Segundo a CSN, o Alto-Forno 2 tem capacidade nominal de 1,5 milhão de toneladas anuais.

BDRs, Day Trade, Unicórnios e novos IPOs.

Hoje é dia de insights para investir em 2021.

Sua retomada visa a adequação da produção de aço à demanda do mercado.

Por fim, a companhia afirma que continuará monitorando os desdobramentos da pandemia da Covid-19 e os eventuais impactos em seus negócios, e manterá o mercado informado a respeito de qualquer evolução relevante.

CSN reverteu prejuízo em lucro no 3TRI20

No balanço divulgado em outubro, a CSN (CSNA3) reportou lucro líquido de R$ 1,261 bilhão no terceiro trimestre de 2020.

Assim, a empresa reverteu o prejuízo de R$ 870,6 milhões em igual período de 2019.

Destaque também para as vendas de aço, que atingiram 1,278 mil toneladas no período, um crescimento de 19%.

Confira aqui os resultados da CSN no terceiro trimestre de 2020.

CSN (CSNA3): reabertura de oferta de US$ 300 mi em notes

A Companhia Siderúrgica Nacional (CSNA3) informou no último dia 10 que precificou a reabertura da oferta de títulos de dívida.

São notes emitidos em janeiro deste ano no mercado externo pela subsidiária CSN Inova Ventures.

A oferta de títulos totaliza US$ 300 milhões, com vencimento em 2028 e juros de 6,750% ao ano. segundo a CSN.

“As notes serão garantidas, incondicional e irrevogavelmente, pela companhia”, diz a CSN em comunicado.

“Foram ofertadas a um preço de emissão de 101,295% do valor do principal mais juros acumulados, representando uma remuneração, até o vencimento, de 6,520% ao ano”, especifica.

O valor total de principal das notes, considerando a emissão de US$ 1 bilhão em 28 de janeiro de 2020, é de US$ 1,3 bilhão.

CSN (CSNA3) protocola oferta pública de ações da CSN Mineração

CSN: liquidação dos notes

A CSN comunica que a liquidação das notes está prevista para 16 de novembro de 2020.

“A companhia tem a intenção de utilizar os recursos líquidos captados por meio de notes para refinanciar dívidas e fins corporativos diversos”, acrescenta o comunicado da empresa.

“Os títulos foram oferecidos a investidores institucionais qualificados em conformidade com a lei de mercado de capitais dos Estados Unidos e alterações posteriores.”

Setor siderúrgico retorna ao nível pré-pandemia após baque no 2TRI

Leia mais

Disney (DISB34): empresa reconhece a força do seu serviço de streaming

FIIs de shoppings: é o momento de comprar esses fundos imobiliários?

Netflix (NFLX34): conheça a empresa e como investir neste BDR

Quer saber como investir no mercado de ações? Preencha o formulário abaixo que um assessor da EQI Investimentos entrará em contato para auxiliar na sua trajetória de investimentos