Coronavírus no mundo: contágio já atinge 2,3 milhões de pessoas

Paulo Amaral
Jornalismo é meu sobrenome: 20 anos de estrada, com passagens por grandes veículos da mídia nacional: Portal R7, UOL Carros, HuffPost Brasil, Gazeta Esportiva.com, Agora São Paulo, PSN.com e Editora Escala, entre outros.
1

Crédito: Reprodução/JHU

A expansão da pandemia de coronavírus já atingiu mais de 2,3 milhões de pessoas em todo o mundo. Segundo a Johns Hopkins University, 2.347.875 casos foram registrados até as 10 horas deste domingo (19).

Os Estados Unidos seguem como o país mais afetado pelo contágio da Covid-19, com 735.287 registros de contaminação pelo coronavírus.

Espanha, com 195.944, Itália, com 175.925, França, com 152.978, e Alemanha, com 143.779 completam o top 5 de países que mais sofrem com a doença até este domingo.

O Brasil, até o último boletim divulgado pelo Ministério da Saúde, apresentava 36.599 registros de coronavírus, com 2.347 óbitos confirmados.

EUA têm quase 40 mil mortes

O número de óbitos continua crescendo exponencialmente nos Estados Unidos, enquanto o presidente Donald Trump segue firme em sua ideia de reabrir a economia do país.

Segundo a Johns Hopkins University, já são 39.090 mortos pelo novo coronavírus, 13.157 apenas na cidade de Nova York.

O país também possuí um alto número de pacientes internados com a Covid-19: 114.123 espalhados por todo o território norte-americano.

O número de mortos em todo o mundo já ultrapassou a marca dos 160 mil e, na manhã deste domingo, registrava  161.402.

A Itália, com 23.227, segue como segundo país com mais mortos, mesmo tendo conseguido estancar um pouco a pandemia nos últimos dias.

Espanha (20.453), França (19.323) e Reino Unido (15.464), vêm logo na sequência, fechando o quinteto de países com mais mortos pela Covid-19.

Espanha tem domingo “bom”

Segundo a CNN, a Espanha apresentou, neste domingo, o menor número de mortos no intervalo de um mês: 410.

Pedro Sanchez, primeiro-ministro espanhol, e que no sábado anunciou que pedirá a extensão da quarentena até o dia 9 de maio, celebrou a marca.

“Deixamos para trás os momentos mais graves, mas essas conquistas ainda são insuficientes e, sobretudo, frágeis. Não podemos colocá-las em risco com soluções precipitadas”.

Recuperados dão salto

A boa notícia deste domingo foi a marca atingida pelos recuperados da Covid-19. Em todo o mundo, segundo a JHU, são 604.311 pacientes que se livraram do coronavírus.

A Alemanha tem registro de 88 mil pessoas curadas, a China, país que deu origem à pandemia, tem 77.681 casos de cura, a Espanha registrou 77.357 e os Estados Unidos 66.819.

O coronavírus já atingiu, até este domingo, 185 países ou regiões do planeta. O Yemem, com um único caso, é o que menos registros tem da Covid-19.

Brasil passa de 36,5 mil infectados

Itália registra menor número de mortos em uma semana