Copel (CPLE3) registra lucro de R$ 680,4 mi, alta de 10,9% no 3TRI

Regiane Medeiros
Economista formada pela UFSC. Produz conteúdo na área de mercado de capitais, finanças pessoais e atualidades.
1

Crédito: Copel

A Copel (CPLE3) registrou um lucro líquido de R$ 680,4 milhões no terceiro trimestre, refletindo um crescimento de 10,9% em relação ao mesmo período de 2019.

No acumulado de 2020, a Companhia registra lucro de R$ 2,78 bilhões, alta de 90% na base anual.

Já o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) somou R$ 1,13 bilhão, recuando de 11,1% sobre o mesmo trimestre do ano anterior.

Conheça a FinTwit, o maior fórum de finanças do mundo.

Hoje o Twitter é pauta na Money Week.

Ao mesmo tempo, a margem Ebitda atingiu 26,2% no terceiro trimestre, queda de 14,2 pontos percentuais.

O resultado financeiro da Copel foi positivo em R$ 46,9 milhões, ante R$ 126,7 milhões negativos no 3T19.

Receita Operacional

No trimestre, a receita líquida da Copel somou R$ 4,32 bilhões, alta de 3,6%.

Segundo a Companhia, o resultado é reflexo, principalmente, do aumento no fornecimento de energia elétrica, receita de suprimento de energia elétrica, receita de disponibilidade da rede elétrica e de distribuição de gás canalizado.

Considerando os nove primeiros meses de 2020, a receita operacional líquida atingiu R$ 12,978 milhões, montante 12,4% superior aos R$ 11,545 milhões registrados no mesmo período de 2019.

Dívida

A dívida líquida da Copel em 30 de setembro de 2020 somava R$ 10,31 bilhões, queda de 11,0% em relação ao montante registrado em 31 de dezembro de 2019.

Já o endividamento bruto da Companhia em 30 de setembro de 2020, representava 52,0% do patrimônio líquido consolidado.

A alavancagem financeira, medida pela relação dívida líquida Ebitda, ficou em 1,3 vez.

Destaques da Copel