Combustíveis fecham semana em alta mesmo após Petrobras (PETR3, PETR4) anunciar corte nos preços

Paulo Amaral
Jornalismo é meu sobrenome: 20 anos de estrada, com passagens por grandes veículos da mídia nacional: Portal R7, UOL Carros, HuffPost Brasil, Gazeta Esportiva.com, Agora São Paulo, PSN.com e Editora Escala, entre outros.

Crédito: Filling gas at the station. Fill the gas tank. Self service. Gas pump in the car. Refill oil, gasoline, diesel vehicle

A ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis) anunciou que os combustíveis fecharam a última semana apresentando alta nos postos brasileiros.

A informação contrasta com a determinação da Petrobras (PETR3, PETR4) que reduziu em 3% os valores do diesel e da gasolina em suas refinarias na última terça-feira (14).

Nos postos, por sua vez, a gasolina fechou a semana com alta média de 0,6%, registrando o preço do litro em R$ 4,586.

O diesel, que também teve seu valor reduzido nas refinarias, subiu 0,2% para o consumidor final, passando a ter o litro estipulado em R$ 3,791.

O etanol, que ficou fora da última redução imposta pela Petrobras, foi o campeão de alta nos postos na última semana, subindo, em média, 1,76% por litro, vendido a R$ 3,241.

 


Aproveite as oportunidades e aumente a rentabilidade dos seus investimentos.

Preencha seus dados abaixo e conte com especialistas para ajudar.

Se preferir, ligue direto para 4007-2374