Cemig (CMIG4) lança chamada pública para compra de projetos de parques eólicos

Victória Anhesini
Jornalista formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie
1

Crédito: Divulgação

A Cemig lançou nesta segunda-feira (21) uma chamada pública para compra de projetos eólicos em estágio avançado de desenvolvimento.

O objetivo da iniciativa é ampliar os recursos próprios em fonte eólica e expandir a atuação no mercado livre. As informações são da Broadcast.

A informação já havia sido antecipada na semana anterior pelo diretor da Cemig Geração e Transmissão (Cemig GT), Paulo Mota Henriques, durante o XXV Encontro Anual da Cemig com o Mercado de Capitais. 

Confira principais Ações para investir em Outubro

“O investimento em nova capacidade de geração mira expandir a atuação da Cemig junto aos clientes livres. Essas fontes têm um potencial muito grande de levar competitividade à indústria”, afirma Henriques. 

“Temos possibilidade de redução nos custos de implantação e até das próprias tecnologias aplicadas, ou seja, avaliamos que essas fontes vão continuar competitivas e valem a pena”, declarou em nota divulgada à imprensa.

Sobre a Cemig

A Cemig possui cerca de 6 GW de capacidade instalada de energia elétrica. A empresa possui dois parques eólicos localizados no Ceará: Parajuru, com 19 aerogeradores, e Volta do Rio, com 28, formando uma capacidade de geração de 70,8 MW.

O momento da busca da estatal mineira é propício no mercado. Diversos empreendedores em fontes renováveis, como eólica e solar, estão realizando negócios de forma direta com grandes consumidores. 

Portanto, com 18% do mercado livre de energia, a intenção da companhia ao lançar chamada pública é manter a liderança.

Por conta de dificuldades financeiras, a Cemig procurou garantir seu posicionamento no mercado livre, especialmente no setor de energias incentivadas. A empresa chegou a participar de leilões para a compra de energia de longo prazo de geradores habilitados em certames promovidos pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Participação

Para participar desta chamada pública, é necessário atender ao edital e enviar as informações sobre os projetos: histórico e certificação de medições, informações sobre conexão e licenças de construção, estágio de formalização na Aneel, e a proposta para venda do parque eólico.

As empresas interessadas devem protocolar os projetos até às 17h do dia 23 de outubro de 2020.

Após análises, os projetos apresentados serão ranqueados, conforme critérios a serem publicados. Por fim, a Cemig pretende fechar negócios com os projetos em melhor classificação, considerando sua demanda interna para novas energias.

Dúvidas e esclarecimentos serão atendidos até às 18h do dia 18 de outubro, por meio do e-mail chamadapublicaeol@cemig.com.br.

O edital e demais documentos relacionados ao processo estão disponíveis no site da empresa.