CEEE (CEED4): Controladora aprova venda de ativos de transmissão

Felipe Moreira
Especialista em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 8 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Certificações: CPA-10, CPA-20 e AAI. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

Crédito: CEEE/Divulgação

A Companhia Estadual de Geração e Transmissão de Energia Elétrica (CEEE) anunciou que a controladora, CEEE-PAR, aprovou a alienação do controle acionário do ativo de Transmissão da CEEE-GT.

A operação será realizada em leilão de desestatização a ser promovido na B3.

O valor econômico mínimo da operação aprovado pela controladora para a alienação de sua participação total, equivalente a 66,06% do capital social, será de R$ 1,698 bilhão.

A alienação aprovada contempla apenas os ativos relacionados ao segmento de transmissão de energia.

Conforme a CEEE, os ativos de geração serão objeto de deliberação futura.

Além disso, no âmbito do processo de desestatização, os controles acionários indiretos das empresas em que a companhia detenha participação, serão igualmente alienados, estando inclusos no valor econômico mínimo da operação.

No entanto, será concedido o exercício do direito de preferência, para a aquisição da participação acionária detida pela CEEE-GT na Transmissora Sul Litorânea de Energia e na Fronteira Oeste Transmissora de Energia, representando 49% do capital social de cada um destes investimentos.

Nestas participações a CEEE-GT possui como sócia a Eletrobras CGT Eletrosul.

Jalles Machado (JALL3) recebe certificado para exportar açúcar para os EUA

A Jalles Machado (JALL3) comunicou que, em 01 de abril de 2021, a Unidade Otávio Lage (UOL), foi certificada pela FDA (Food and Drug Administration) de acordo com a Lei Federal de Medicamentos e Cosméticos norte-americana, conforme alterada pela Lei de Bioterrorismo de 2002 e pela Lei de Modernização de Segurança Alimentar da FDA.

O Certificado é obrigatório para empresas que exportam alimentos, produtos farmacêuticos e dispositivos médicos para os EUA.

A partir deste momento, as duas unidades industriais da Jalles Machado estão aptas a exportar açúcar para os EUA.