CBA (CBAV3) lucra R$ 397 milhões no 2TRI21, resultado 13 vezes maior no comparativo anual.

Carla Carvalho
Graduada em Ciências Contábeis pela UFRGS, pós-graduada em Finanças pela UNISINOS/RS. Experiência de 17 anos no mercado financeiro, produtora de conteúdo de finanças e economia.

Crédito: Divulgação

A CBA (CBAV3), que estreou na bolsa em julho deste ano, reportou lucro líquido de R$ 397 milhões no 2TRI21. O resultado é 13 vezes maior do que o do mesmo período do ano passado.

Segundo a empresa, a alta deve-se ao aumento da receita líquida do período, superior ao respectivo custo de produção. Além disso, influenciou também o resultado o aumento de outros resultados operacionais em R$ 101 milhões (efeito positivo da marcação a mercado dos contratos futuros de energia e variação cambial positiva).

Simule seus investimentos com um especialista e confira as melhores opções de acordo com seu perfil

Veja o balanço da CBA (CBAV3) na íntegra.

Principais números do balanço do 2TRI21

Lucro Líquido

Lucro 2TRI21: R$ 397 milhões

Lucro 2TRI20: R$ 30 milhões

Ebitda ajustado

Ebitda ajustado 2TRI21: R$ 363 milhões

Ebitda ajustado 2TRI20: R$ 172 milhões

Receita Líquida

Receita 2TRI21: R$ 1.913 milhões

Receita 2TRI20: R$ 1.102 milhões

Receita Líquida cresce 74%

O crescimento de 74% da Receita Líquida no 2TRI21 em relação ao mesmo período de 2020 deveu-se, basicamente, ao aumento de 81% na receita do negócio de alumínio. Além dos maiores volumes vendidos, ocorreu também um aumento de 60% no preço do metal face o 2TRI20.

Ebitda cresce 110%

O aumento do Ebitda também foi impactado pela melhora das margens, graças ao maior volume vendido e maior preço do alumínio no mercado.

Outros fatos relevantes

– No 2TRI21, o capital de giro aumentou R$ 254 milhões, principalmente para atender ao maior volume de estoques. Nesse sentido, o maior estoque visa garantir o aumento da demanda do segundo semestre, tradicionalmente maior do que o primeiro.

– Em 15 de julho de 2021, a CBA realizou IPO, cuja oferta total foi de R$ 1,4 bilhão. Desse valor, R$ 663 milhões foram captação primária líquida, sendo 70% dos recursos destinados ao crescimento orgânico e 30% a eventuais M&As.

Confira os destaques do balanço da CBA (CBAV3) do 2TRI21:

2T212T20R$ milhões2T21 X 2T20

1.913

1.102Receita Líquida74%

363

172EBITDA ajustado

110%

19%16%Margem EBITDA ajustada3 p.p.
39730

Lucro Líquido

1223%
2.5002.811Dív Líquida/EBITDA ajustado

(11%)

 

 

Cases da Bolsa

Aprenda análise fundamentalista de ações na prática, com maiores cases já criados na B3