Caixa Seguridade tem queda de 4,3% no lucro do 4TRI20

Felipe Alves
Jornalista com experiência em reportagem e edição em política, economia, geral e cultura, com passagens pelos principais veículos impressos e online de Santa Catarina: Diário Catarinense, jornal Notícias do Dia (Grupo ND) e Grupo RBS (NSC).
1

Crédito: Caixa Seguridade IPO

A Caixa Seguridade reportou queda de 4,3% no lucro líquido do quarto trimestre de 2020. Assim, a empresa faturou R$ 453,4 milhões no período contra R$ 474 milhões no mesmo período do ano anterior.

No acumulado do ano, o lucro líquido cresceu. Passou de R$ 1,68 bilhão (2019) para R$ 1,76 bilhão (2020). Ou seja, crescimento de 5,2%.

Faturamento da Caixa Seguridade cresce 33%

No quarto trimestre de 2020, a Caixa Seguridade obteve faturamento de R$ 12,6 bilhões, com crescimento de 33,2% frente ao mesmo período de 2019, superando o resultado do terceiro trimestre em mais de R$ 357 milhões e registrando novo recorde.

Análises e Resumos do mercado financeiro com leituras de 5 minutos. Conheça a EQI HOJE

O incremento dos números está ancorado principalmente no faturamento de Previdência e Prestamista, com aumentos de 43,8% e 62,0%, respectivamente. Cabe destacar ainda que a produção do quarto trimestre superou o resultado histórico do terceiro trimestre em R$ 357,9 milhões.

A produção do ramo previdência privada acelerou o ritmo de crescimento, atingindo um faturamento de R$ 8,9 bilhões no quarto trimestre de 2020, um aumento de 43,8% quando comparado ao mesmo trimestre do ano anterior, alçando o maior patamar trimestral da série histórica.

Assim, o impacto negativo das medidas restritivas para controle da pandemia da Covid-19, que provocaram a desaceleração da produção no segundo trimestre do ano, foi compensado pelo expressivo desempenho do segundo semestre.

Com a contribuição positiva deste resultado, a companhia fechou 2020 com R$ 39,1 bilhões de faturamento e 13,5% de Market Share (conforme segmentos SUSEP).

“A performance das vendas na rede de distribuição da Caixa no segundo semestre de 2020 garantiu à Caixa Seguridade a inédita liderança na emissão de prêmios dos seguros residencial  e prestamista. O segmento de previdência privada também apresentou excelente resultado no  semestre, onde as contribuições recebidas dos planos de previdência foram 112,3% maiores no segundo semestre de 2020 na comparação com o primeiro semestre do mesmo ano e 42,6% maiores que o segundo semestre de 2019”, explica a empresa.

Destaque para seguros prestamista e residencial

No segmento de seguros da Caixa Seguradora, destaca-se o crescimento dos ramos de seguros prestamista e residencial, com elevação de 62,0% e 103,5%, respectivamente, na comparação entre trimestres e um crescimento de 46,5% e 56,0% no acumulado do ano, ambos nos comparativos entre 2019 e 2020.

Para o ramo habitacional, o aumento no quarto trimestre de 2020 foi de 8,4% em relação ao mesmo período de 2019, fechando o ano com 6,5% acimada produção de 2019.

Acompanhando a expansão da oferta de crédito da Caixa Seguridade, o pico da produção de seguro prestamista foi registrado no terceiro trimestre. No quarto trimestre de 2020, a emissão de prêmios foi reduzida em 30,5% em relação ao trimestre anterior, porém manteve-se em patamar elevado, superando em 62%o quarto trimestre de 2019.

Os prêmios emitidos de seguros de vida em 2020 foram 10,4% superiores aos valores acumulados de 2019, incluindo o incremento do fluxo de pagamento mensal, que passou de R$ 76,3 milhões em janeiro para R$ 84,6 milhões em dezembro. O bom desempenho do ano foi concentrado no segundo semestre, sobretudo no terceiro trimestre.

Ao comparar o quarto trimestre de 2020 com o trimestre imediatamente anterior, a produção da Caixa Seguridade sofreu redução de 18,8%, mas se manteve acima dos dois primeiros trimestres do ano.