Caged: Brasil criou 260,5 mil vagas de emprego em janeiro de 2021

Paulo Amaral
Jornalismo é meu sobrenome: 20 anos de estrada, com passagens por grandes veículos da mídia nacional: Portal R7, UOL Carros, HuffPost Brasil, Gazeta Esportiva.com, Agora São Paulo, PSN.com e Editora Escala, entre outros.
1

Crédito: Agência Brasil

Depois de fechar 2020 com a geração de 142,6 mil novos postos de empregos formais, o Brasil iniciou 2021 com a abertura líquida de 260.353 vagas de trabalho com carteira assinada no Caged.

Segundo os números divulgados nesta terça-feira (16) pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, o saldo positivo foi puxado pelo desempenho da indústria geral, com 90.431 postos formais de emprego.

Atingir um patrimônio de R$ 100 mil é para poucos, saiba quais são as melhores atitudes e aplicações para multiplicá-lo

Logo na sequência veio o setor de serviços, com 83.686 novas vagas, distribuídas principalmente nas atividades de Administração pública, defesa e seguridade social, educação, saúde humana e serviços sociais.

O segmento da Construção Civil abriu 43.498 vagas, enquanto houve um saldo de 32.986 contratações na Agropecuária em janeiro, e de 9.848 novas vagas criadas no comércio.

Dados do Caged superaram expectativas

Os números ficaram bem acima do que esperavam os analistas do time Macro Research, do BTG Pactual. A projeção deles era para a criação de cerca de 150 mil novos postos.

O melhor resultado entre as 24 unidades da Federação que registraram resultado positivo foi em São Paulo, com a abertura de 75.023 novos postos de trabalho. Alagoas, por sua vez, ficou na outra extremidade, fechando 198 vagas formais em janeiro.

A abertura líquida de 260.353 vagas de trabalho com carteira assinada em janeiro no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) foi puxada pelo desempenho da indústria geral no mês, com a criação de 90.431 postos formais, seguida pelos serviços, que recuperaram 83.686 vagas.

“O resultado mostra que o país continuou com a recuperação econômica após o pico de casos de covid de 2020, que fechou parte das atividades econômicas no país”, avaliou o Ministério da Economia.

Previsão para fevereiro é menos otimista

O time da Macro Research, do BTG Pactual, concordou com a análise do Ministério da Economia sobre o cenário de recuperação apresentado em janeiro pelos dados do Caged, mas fez um alerta.

De acordo com os especialistas, “com as novas medidas de restrição de mobilidade social, a tendência é que os números de fevereiro não repitam o bom resultado, principalmente no setor de serviços”.

Os dados divulgados nesta terça informaram ainda que em janeiro foram criados 3.083 novos postos de trabalho intermitente.

Esse tipo de vaga diz respeito à modalidade criada pela reforma trabalhista, que permite jornadas de trabalho em dias alternados ou por horas determinadas.

Planilha de Ativos

Um dos principais exercícios para a compra de uma ação é saber se ela está cara ou barata. Para isso, preparamos um material especial para ajudá-lo nesta análise.