BTG eleva preço alvo de Itaú (ITUB4), BB (BBAS3) e Bradesco (BBDC4)

Karin Barros
Colaborador do Torcedores
1

Crédito: BTG/Divulgação

O BTG (BPAC11) elevou os preços-alvo das ações de sua cobertura no setor bancário brasileiro, mas manteve as recomendações prévias. 

Ao justificar o reajuste, o BTG afirmou que transferiu o preço-alvo de seis meses para o fim de 2021. 

No caso do Itaú, o valor foi de R$ 34 para R$ 37, com recomendação de compra, a mesma para Bradesco, cujo preço-alvo foi de R$ 28 para 30.  

Abra agora sua conta na EQI Investimentos e tenha acesso a soluções customizadas de acordo com seu perfil

O relatório divulgado nesta quinta-feira (3) pelos analistas Eduardo Rosman e Thomas Peredo, da BTG Pactual, destaca que o ROE (retorno sobre o patrimônio líquido) sustentável, que, conforme os dados, permanece inalterado. 19% para Itaú e 17% para Bradesco.

Para Santander, o novo preço-alvo é de R$ 42 (ante R$ 37), com ROE sustentável que subiu 50 pontos-base, para 17,5%.

Para o BB, o valor agora é de R$ 48 (anteriormente, R$ 44), ambos com recomendação neutra, com ROE sustentável de 14,5%. 

Bancos médios

Além disso, alteração também foi feita para bancos médios. O Banrisul teve seu preço-alvo elevado de R$ 18 para R$ 19 (recomendação neutra), e ROE de 13,5% para o banco do Rio Grande do Sul; e o ABC Brasil foi de R$ 20 para R$ 21. 

A ação do ABC Brasil tem recomendação de compra, e ROE sustentável de 13%.

Cotações nesta quinta-feira (3)

  • Itaú (ITUB4) +0,63% (R$ 30,17);
  • Bradesco ON (BBDC3) +1,13% (R$ 23,25);
  • Bradesco PN (BBDC4) +1,54% (R$ 26,32);
  • Santander (SANB11) +0,90% (R$ 42,62);
  • Banco do Brasil (BBAS3) +1,49% (R$ 35,46);
  • Banrisul (BRSR6) +2,24% (R$ 13,70);
  • Banco ABC (ABCB4) -0,07% (R$ 14,88).

Balanço do terceiro trimestre

Com um resultado “à prova de críticas”, o balanço do terceiro trimestre de 2020 do BTG Pactual (BPAC11) evidenciou um banco esbanjando confiança, segundo BB Investimentos.

Eles registraram um lucro líquido ajustado de R$ 1,01 bilhão no terceiro no trimestre de 2020. No mesmo período do ano anterior, o lucro foi de R$ 1,07 bilhão.

Por fim, o resultado veio acima do consenso de mercado, que esperava um lucro de R$ 860 milhões no trimestre.

Leia mais

BTG: Petrobras (PETR4) pode destravar potencial de dividendos atraentes
BTG Pactual (BPAC11) registra lucro de R$ 1,01 bilhão no 3TRI20
BTG (BPAC11) tem resultados do 3TRI20 que esbanjam confiança, diz BB Investimentos