BTG (BPAC11): transação com PetLove favorece Porto Seguro (PSSA3)

Matheus Gagliano
Colaborador do Torcedores
1

Crédito: Reprodução: Pixabay

A transação na qual a Porto Seguro (PSSA3) uniu seu segmento de seguro animal com a loja de e-commerce PetLove, favorece a seguradora. A avaliação é de relatório do banco BTG Pactual (BPAC11). Esse é um dos primeiros movimentos que a seguradora faz em direção à mudança de perfil.

Com isso, as ações da Porto Seguro são recomendadas para compra. E o preço-alvo foi calculado em R$ 68 por ação. Além disso, classificou a empresa como Top pick no setor de seguros.

Atingir um patrimônio de R$ 100 mil é para poucos, saiba quais são as melhores atitudes e aplicações para multiplicá-lo

De acordo com o relatório, O Health for Pet ficará com 13,4% da PetLove. O negócio não envolve desembolso de recursos por parte da seguradora. Isso porque a operação do seguro animal será combinada com a plataforma da loja online.

BTG (BPAC11): mais oferta de produtos pet

Essa negociação resultará na mudança da marca da Porto Seguro. Health for Pet sai de cena. Em seu lugar, entra Porto.Pet. Essa estratégia será reforçada por uma oferta maior de produtos para animais de estimação.

No entanto, esse não é o único fator que valorizou a Porto Seguro. Desde o ano passado, o banco trabalha com um viés de alta. Principalmente após a Porto Day, em novembro. E recentemente, o CEO da companhia, Roberto Santos, passou a acumular as funções de Relações com Investidores.

Assim o banco avalia que a Porto Seguro passa a ter um perfil mais pró-ativa e criativa. Tendo como cenário um negócio de seguros considerado rentável.

Ações em alta

No fim da manhã desta segunda-feira (19), os papéis da Porto Seguro registravam alta. A elevação era de 5,90%, com cada ação sendo negociada a R$ 49,55.

O CEO da empresa, de acordo com o relatório, tem a intenção de alavancar a força da marca. A ideia é ir muito além de “apenas” seguro.

Santos disse que a Porto está passando por uma reestruturação. Isso resultará na criação de quatro vertentes de negócio quase independentes. Serão oferecidos seguros, produtos financeiros, saúde e serviços.

A expansão da base de clientes é um target da companhia. Santos externou a meta de dobrá-la em cinco anos. Isso significa passar de 8 a 9 milhões para 16 a 18 milhões de clientes. Para o mesmo período, ele espera que menos de 50% das receitas venham de seguros.

Planilha de Ativos

Um dos principais exercícios para a compra de uma ação é saber se ela está cara ou barata. Para isso, preparamos um material especial para ajudá-lo nesta análise.