BTG (BPAC11) notifica Cade sobre compra de participação da Caixa no Banco Pan (BPAN4)

Felipe Alves
Jornalista com experiência em reportagem e edição em política, economia, geral e cultura, com passagens pelos principais veículos impressos e online de Santa Catarina: Diário Catarinense, jornal Notícias do Dia (Grupo ND) e Grupo RBS (NSC).
1

Crédito: BTG/Divulgação

O BTG Pactual (BPAC11) notificou o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) a respeito da aquisição das ações detidas pela Caixa Econômica Federal no Banco Pan (BPAN4).

Segundo o Estadão, a notificação foi publicada na edição desta quinta-feira (22) do Diário Oficial da União (DOU).

O banco pede que a operação seja aprovada sem restrições pois “o controle do Banco Pan já era compartilhado pelo Banco BTG Pactual e as participações conjuntas nos mercados em que há sobreposição horizontal são mínimas” e “não possui o condão de alterar o cenário concorrencial”.

No início de abril, Caixa e BTG assinaram acordo para a aquisição, pelo banco, da totalidade das ações ordinárias do Banco Pan em poder o banco estatal, equivalentes a 26,8% do capital social.

Trevisa (LUXM4) informa sobre dividendos

A Trevisa (LUXM4) comunicou que os acionistas aprovaram o pagamento de dividendos obrigatórios, relativo ao exercício findo em 31 de dezembro de 2020, no montante de R$ 2.014.882,38.

O valor corresponde a R$ 0,36729 por ação ordinária e R$ 0,40402 por ação preferencial, que corresponde a 10% a mais em relação ao dividendo recebido pelas ações ordinárias.

Também foi aprovado o pagamento  de  dividendos  intermediários  à  conta  de  reserva  de  lucros existente no balanço patrimonial encerrado em 31 de dezembro de 2020, no montante total de R$6.000.000,00, sendo R$ 1,0937329 por ação ordinária e R$ 1,2031062 por ação  preferencial.