BTG (BPAC11): ampliação da alavancagem da BRF (BRFS3) preocupa

Matheus Gagliano
Colaborador do Torcedores
1

Relatório do banco BTG Pactual (BPAC11) demonstra preocupação com a alavancagem da BRF (BRFS3). Além disso, as vendas reportadas no primeiro trimestre de 2021, em R$ 10,6 bilhões, ficaram 2% abaixo das estimativas do banco.

Em virtude desse cenário, o banco manteve uma avaliação neutra das ações da empresa. O preço-alvo da ação foi calculado em R$ 23.

Atingir um patrimônio de R$ 100 mil é para poucos, saiba quais são as melhores atitudes e aplicações para multiplicá-lo

De acordo com o documento, são esperadas dificuldades nos próximos meses. Os preços devem continuar a se beneficiar diante de um real ainda enfraquecido diante do dólar.

Porém, os volumes de vendas caíram e os custos aumentaram. Apesar disso, estes foram parcialmente compensados por quedas consideradas históricas nas despesas da companhia.

BTG (BPAC11): real fraco eleva alavancagem

A questão do dólar mais fraco perante o dólar, elevou a alavancagem. Este item passou de 0,3 vezes para 3,7 vezes. No entanto, o ebitda cresceu 7% e passou para R$ 655 milhões. Este número foi alcançado graças a um controle maior das despesas administrativas, vendas e gerais – simbolizados pela sigla em inglês SG&A.

Porém, o relatório aponta que o balanço da BRFS3 aponta uma deterioração do cenário macroeconômico. Com isso, é esperado que a empresa continua a elevar os preços dos produtos para compensar uma eventual inflação de custos adicionais.

Margem ebitda internacional caiu para 9,4%; carne Halal enfrenta dificuldades

No cenário internacional, o trimestre foi marcado por uma queda na margem ebitda para 9,4%. No mesmo período do ano passado, estava em 16,9%. O mercado asiático permanece uma trajetória de recuperação, no entanto. No mercado da Ásia, a margem ebitda da empresa passou para uma margem de 17%.

A recuperação do mercado de carne Halal continua com dificuldades e as exportações diretas emfrentam os problemas com os efeitos do ciclo avícola. Porém, outros segmentos como ingredientes, registraram ebitda de R$ 96 milhões, considerados positivos pelo relatório do banco.

No primeiro trimestre do ano, a BRFS3 reverteu o prejuízo dos três primeiros meses de 2020 e obteve lucro líquido de R$ 22 milhões. No ano passado, a fabricante de alimentos registrou prejuízo líquido de R$ 38 milhões.

Planilha de Ativos

Um dos principais exercícios para a compra de uma ação é saber se ela está cara ou barata. Para isso, preparamos um material especial para ajudá-lo nesta análise.