BNDES: empresas afetadas pela pandemia recebem R$ 1,1 bilhão

Fernando Augusto Lopes
Redator e editor
1

Crédito: BNDES/Divulgação

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) informou nessa terça-feira (23) que a instituição já liberou R$ 1,1 bilhão da linha de crédito aberta de R$ 5 bilhões para empresas em dificuldade durante a pandemia do novo coronavírus. Tal quantia equivale a 22% do total disponibilizado.

As informações são da Agência Brasil.

“De acordo com o banco, 3 mil empresas tiveram acesso ao financiamento até agora, com o valor médio das operações atingindo R$ 368 mil. Das companhias beneficiadas, 82% atuam nos setores de comércio e de serviços, e 65% operam na Região Sudeste”, reporta a agência.

A ajuda vai para micro, pequenas e médias empresas que foram afetadas por conta dos decretos de quarentena e isolamento social feitos por estados e municípios.

Fintechs

“A linha de crédito dispõe de R$ 5 bilhões para financiar o capital de giro de micro, pequenas e médias empresas, que faturam de R$ 360 mil a R$ 300 milhões por ano”, esclarece a Agência Brasil.

“A partir de maio, as fintechs – tipo de banco digital – do tipo Sociedade de Crédito Direto poderão operar a linha de crédito. O Conselho Monetário Nacional concedeu autorização para o BNDES repassar recursos às fintechs, de forma a apoiar o banco de fomento na oferta da linha emergencial”, conclui.

BNDES e grandes empresas

O BNDES chamou os bancos Itaú, Bradesco, Santander e Banco do Brasil para auxiliar as grandes empresas. A ideia é fazer menos empréstimos diretos e usar mais instrumentos de mercado financeiro.

Com esse propósito as instituições vão ajudar essas empresas a voltar para as atividades normais, e podem dar retorno maior ao governo e aos bancos. São essas empresas também que empregam milhões de brasileiros, como por exemplo elétricas, indústria automotiva e grandes varejistas não alimentícias.

Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil

LEIA MAIS
Setores que devem se beneficiar com o plano de socorro do BNDES

Retorno do BNDES a grandes empresas é visto como mal necessário