BMG (BMGB4) tem lucro líquido de R$ 97 milhões no 3TRI, alta de 46,2%

Felipe Alves
Jornalista com experiência em reportagem e edição em política, economia, geral e cultura, com passagens pelos principais veículos impressos e online de Santa Catarina: Diário Catarinense, jornal Notícias do Dia (Grupo ND) e Grupo RBS (NSC).
1

Crédito: Divulgação / Banco BMG

O banco BMG (BMGB4) registrou uma alta de 46,2% no seu lucro líquido contábil no terceiro trimestre de 2020 na comparação com o mesmo período do ano passado, somando R$ 97 milhões. O lucro líquido recorrente foi de R$ 87 milhões, queda de 0,4%.

No acumulado dos 9 primeiros meses de 2020, o banco apresentou lucro líquido de R$ 285 milhões. O valor é 5,4% maior do que o mesmo período do ano passado.

O Retorno sobre o Patrimônio Líquido Médio Recorrente (ROE) ficou em 9,1% ao ano, contra 14,6% no 3TRI19.

Perdeu a Money Week?
Todos os painéis estão disponíveis gratuitamente!

Assim a margem financeira líquida recorrente foi de R$ 950 milhões, alta de 24,1%.

O banco informou que no período foi reconhecido ainda um resultado extraordinário de R$ 29 milhões líquido de impostos referente ao pagamento do valor fixo da venda de 40% da CMG Corretora de Seguros para a Wiz.

“Mesmo com a redução apresentada [do lucro líquido recorrente], o Banco tem demonstrado resiliência nos seus resultados tendo em vista o cenário macroeconômico atual”, avalia o BMG.

Carteira de crédito

O BMG totalizou no período R$ 13,064 bilhões em sua carteira de crédito total, um aumento de 20,8% na comparação com o período de julho a setembro de 2019.

A carteira de varejo totalizou R$ 11,278 bilhões; de Atacado, R$ 1,704 bilhões; e a Run Off, que inclui o empréstimo consignado legado, Lendico, veículos e empréstimo imobiliário, ficou em R$ 83 milhões.

O patrimônio líquido encerrou 30 de setembro de 2020 com saldo de R$ 4,062 bilhões. Ou seja, aumento de 0,6% em relação ao trimestre anterior e +48,6% em comparação ao mesmo período do ano anterior.

Os atrasos acima de 30 dias apresentaram redução nesse trimestre, indicando que a inadimplência atingiu o seu patamar máximo.

Crescimento recorde de clientes

Em setembro de 2020, o BMG totalizou 4,8 milhões de clientes ativos.

Ou seja, crescimento recorde de 25,2% nos últimos doze meses, com 5,5 mil novos clientes por dia útil no 3T20.

O número de contas nos últimos 12 meses foi triplicada.

O banco atingiu 1,9 milhões de contas digitais. Foi aberta a quantidade recorde de 7,6 mil contas por dia útil no terceiro trimestre.

“Os clientes têm apresentado maior propensão à utilização dos canais digitais, portanto oferecemos a opção de utilizarem o WhatsApp, que permite o autosserviço mais dinâmico e imediato. Já são 885 mil clientes cadastrados no WhatsApp no 3T20. O índice de retenção é de cerda de 90% e satisfação com o atendimento de 94%”, explica o banco.

Despesas do BMG

Nos primeiros nove meses de 2020, as outras despesas operacionais, líquidas de outras receitas operacionais, apresentaram um aumento de 35,9% em relação ao mesmo período de 2019.

Por fim, no terceiro trimestre, as despesas apresentaram redução de 0,5% em relação ao trimestre imediatamente anterior. Houve aumento de 22,3% em relação ao 3T19.

Resultado BMG 3TRI20

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para participar da nova edição da Money Week, de 23 a 27 de novembro, inscreva-se.

Se você quer saber mais sobre o mercado de ações e como investir, preencha o formulário abaixo que um assessor da EQI Investimentos entrará em contato.