BMG (BMGB4) vende 40% da CMG para a Wiz (WIZS3) por R$ 89,8 mi

Marco Antônio Lopes
Editor. Jornalista desde 1992, trabalhou na revista Playboy, abril.com, revista Homem Vogue, Grandes Guerras, Universo Masculino, jornal Meia Hora (SP e RJ) e no portal R7 (editor em Internacional, Home, Entretenimento, Esportes e Hora 7). Colaborador nas revistas Superinteressante, Nova, Placar e Quatro Rodas. Autor do livro Bruce Lee Definitivo (editora Conrad)
1

O BMG (BMGB4) anunciou nesta terça (4) a conclusão da venda de 40% da CMG Corretora de Seguros  para a Wiz (WIZS3) por R$ 89,8 mi.

“Com o fechamento da operação, a Wiz passou a ser titular de quotas representativas de 40% do capital social da CMG”, informa o comunicado divulgado pela empresa.

Além disso, o BMG tem opção de compra para aquisição adicional de quotas representativas de 9% do capital social da CMG, que serão exercidas em 2024.

Perdeu a Money Week?
Todos os painéis estão disponíveis gratuitamente!

“Isso vaia depender do atingimento de determinadas metas pela CMG”, lembra o BMG

Operação

A operação ocorreu pelo preço total estimado de R$ 89,8 milhões, composto por um valor fixo, correspondente a R$ 44,8 milhões e por um potencial valor variável, de R$ 45 milhões.

A primeira parcela do valor fixo, de R$ 22,4 milhões, foi paga nesta terça.

A segunda parcela do valor fixo, também de R$ 22,4 milhões, será paga em 6 meses.

Na operação, também foram celebrados, entre outros documentos, um acordo operacional entre a CMG e o BMG.

Acordo

Esse acordo assegura à CMG o direito de comercializar com exclusividade, na rede de distribuição controlada pelo banco, produtos e serviços de seguridade.

Isso inclui seguros, consórcio, capitalização e previdência privada pelo prazo de 20 anos.

Foi fechado ainda um acordo de quotistas entre a CBFácil e a Wiz, “com anuência da CMG, que disciplinará os direitos societários relacionados à condução dos negócios da CMG”.

“A operação visa a oferta de produtos de seguridade e tem potencial para alavancar as vendas de seguros já comercializados pela CMG”, diz a nota do BMG.

“Além disso, agrega novos produtos e tecnologia para atendimento às necessidades de nossos clientes e canais de relacionamento do banco”, complementa.

“Dessa forma, o banco entende que a operação está alinhada à visão de crescimento e rentabilização da CMG.”

LEIA MAIS

IRB (IRBR3) anuncia emissão de R$ 300 mi em debêntures

Guedes diz que país se recupera em “V”e criação de empregos impressiona

Quer saber como investir no mercado de ações? Preencha o formulário abaixo que um assessor da EQI Investimentos entrará em contato para auxiliar na sua trajetória de investimentos.