Pfizer (PFIZ34): Conheça esse BDR da área da saúde

Ana Paula Schuster
Colaborador do Torcedores
1

A empresa Pfizer possui as suas ações BDRs listadas na bolsa de valores brasileira. Elas são negociadas sob o código PFIZ34.Dessa forma, qualquer investidor pessoa física pode optar por comprar os papéis dos seus ativos.

A companhia multinacional dos Estados Unidos vem tendo um papel importante durante a pandemia. Isto porque o desenvolvimento de sua vacina contra coronavírus conseguiu trazer uma certa esperança para o mundo.

Com isso, é importante que os investidores estejam atentos aos ativos da empresa. Já que eles podem render bastante durante esse período. Então é sobre esse tema que falamos neste artigo.

Não Perca! Começa hoje o evento que vai transformar sua visão sobre Fundos de Investimento Imobiliário

Resultados fiscais da Pfizer (PFIZ34) 

Conforme é feito todos os anos, a Pfizer (PFIZ34) também divulgou os seus resultados. Assim, o objetivo principal é demonstrar o potencial apresentado nesse período. Com isso, houve uma reversão nos prejuízos anteriores.

A empresa obteve um lucro líquido na faixa dos US$ 594 milhões. Suas receitas totais chegaram a 12% de crescimento no final de 2020. E a vacina pode gerar cerca de 25% da sua receita em 2021. 

Nas divisões de oncologia o aumento foi de pelo menos 23%. Na de vacinas, 17% (vacinas). As vendas dos imunizantes alcançaram um patamar de US$ 154 milhões. Isso foi possível devido à permissão concedida para a aplicação das vacinas.

Além disso, o volume de negociações da Pfizer (PFIZ34) cresceu em 12%. Dessa forma, o valor chegou aos US$ 11,7 bilhões. Em 2019, ela havia obtido US$ 333 milhões de prejuízo. Entretanto, no quarto trimestre de 2020 foram US$ 534 milhões de aumento.

Vale lembrar que o volume dos seus negócios elevou em 2%. Chegando assim aos US$ 41,91 bilhões durante essa faixa de tempo. Contudo, a Pfizer conquistou apenas 9,6 bilhões, sendo 41% a menos no quesito lucro líquido.

Estratégia da Pfizer (PFIZ34) durante a pandemia

Sem dúvida, o principal avanço da empresa foi a criação da vacina contra o coronavírus. Pois ela realizou diversos estudos clínicos e buscou uma maneira de proteger as pessoas. Como resultado disso, suas ações começaram a valorizar na bolsa de valores.

Ela também vem desenvolvendo novas maneiras de auxiliar no tratamento dos doentes. No Brasil, a companhia farmacêutica chegou a oferecer milhões de doses de sua vacina – e ainda encontra-se em negociação com o Ministério da Saúde.

Com isso, a Pfizer (PFIZ34) conseguiu lidar bem com as adversidades do período atual. De tal maneira que suas ações valorizaram muito quando a eficácia foi comprovada. 

A história da Pfizer (PFIZ34)

Essa empresa chamada Pfizer (PFIZ34) é uma multinacional americana que atua no ramo farmacêutico. Dessa maneira, ela tem a sua sede na cidade de Nova York, nos Estados Unidos.

Com uma vasta experiência no setor, a companhia foi fundada no ano de 1849. E foram dois imigrantes alemães que criaram a empresa. Além disso, ela foi uma das pioneiras na produção dos antibióticos.

Contudo, atualmente a Pfizer (PFIZ34) conta com um portfólio de pelo menos 100 produtos. E sua atuação pode ser vista em ao menos 150 países do mundo. Como resultado disso, são 81,9 mil colaboradores e funcionários.

No Brasil a atuação dela foi iniciada em 1952, atuando em categorias sem atendimento. De fato, são 65 anos de atuação no país, buscando ajudar as pessoas. Sua fábrica fica localizada na cidade de São Paulo.

Desempenho dos BDRs da Pfizer (PFIZ34)

Os BDRs da Pfizer estão disponíveis na B3 (B3SA3), a bolsa brasileira. Desse modo, os investidores locais podem comprar os papéis diretamente do Brasil.

Nesse sentido, a Pfizer (PFIZ34) pode ser uma boa opção de compra durante esse período. Já que seus ativos podem valorizar mediante a sua atuação durante a pandemia. Com isso, temos o cálculo que indica o crescimento dessas ações.

De 25 de fevereiro de 2020, um pouco antes da pandemia iniciar, o valor das ações da PFIZ34 era de R$ 38,97. Então, após um ano o valor das ações já subiu mais de 19%, chegando a R$ 46,40.

O que é a B3 (B3SA3) e como investir através dela?

O ambiente chamado de B3 (B3SA3) é a bolsa de valores do país. Desse modo, todas as negociações de ativos são feitas através dessa companhia. Isso inclui tanto as ações quanto os fundos de investimentos imobiliários.

Nesse sentido, a Pfizer (PFIZ34) possui as suas ações BDRs listadas para todos os brasileiros. De fato, desde outubro de 2020, a compra das BDRs está autorizada a qualquer investidor.

O que aumenta ainda mais as chances deles de conseguirem bons lucros. Já que investir em ações listadas fora do país pode ser uma boa oportunidade atualmente. Para ingressar no mercado financeiro, faça o seguinte:

  • Crie uma conta em uma corretora de valores;
  • Acesse o Home Broker;
  • Faça a emissão das ordens de compra;
  • Finalize a operação.

O que são BDRs e quem pode realizar a compra delas?

De acordo com as mudanças ocorridas em outubro de 2020, qualquer investidor pode adquirir BDRs. Pois a categoria abriu um leque maior ao conceder licença a todos os acionistas brasileiros, sejam eles investidores com mais de R$ 1 milhão em investimentos ou não.

Em resumo,  os BDRs (Brazilian Depositary Receipts) são papéis que servem para representar ativos estrangeiros. Dessa maneira, a Pfizer (PFIZ34) também está inclusa nesse processo, que pode trazer bons resultados.

Além disso, existem duas categorias diferentes que compõem as BDRs. Temos as que são patrocinadas e as não patrocinadas. Na primeira temos os papéis que são emitidos pela própria empresa detentora da marca.

Enquanto que na segunda, uma outra companhia realiza essa representação. De tal forma que o processo é indireto, não contando com a participação da empresa. Outro ponto importante são os níveis que as dividem, confira:

  • 1: com a sua negociação feita no balcão e sem registro obrigatório na CVM;
  • 2: requer o registro, porém é feito em balcões ou nos pregões;
  • 3: ofertas públicas maiores, sendo muito parecido com o segundo nível.