Banco Mundial prevê a pior queda em 40 anos na economia asiática

Rebeca Torres
null

Crédito: AnandKz / Pixabay

A Índia e outros países do sul da Ásia devem registrar sua pior queda em 40 anos devido a pandemia de coronavírus, foi o que informou o Banco Mundial, neste domingo (12). As informações são da Agência Reuters.

A região do Sul da Ásia, que é composta por oito países, deve apresentar um crescimento econômico de 1,8% a 2,8% este ano, disse o Banco Mundial em seu relatório de foco econômico do Sul da Ásia, bem abaixo dos 6,3% projetados há seis meses.

Já a economia da Índia, a maior da região, deve crescer de 1,5% a 2,8% no ano fiscal iniciado em 1° de abril. O Banco Mundial estimou que aumentará 4,8% a 5% no ano fiscal encerrado em 31 de março.

Além da Índia, o Banco Mundial prevê que o Sri Lanka, Nepal, Butão e Bangladesh também devem sofrer quedas acentuadas no crescimento econômico.

Espera-se que outros três países, sendo eles Paquistão, Afeganistão e Maldivas – entrem em recessão, disse o Banco Mundial no relatório, baseado nos dados disponíveis nos países a partir de 7 de abril.

Medidas de combate ao coronavírus

As medidas tomadas para combater o coronavírus interromperam as cadeias de suprimentos no sul da Ásia, que registraram mais de 13.000 casos até agora – quantidade ainda mais abaixo do que em muitas partes do mundo.

Com o isolamento social de 1,3 bilhões de pessoas na Índia, milhões ficaram sem trabalho, o que causou a interrupção de grandes e pequenas empresas, forçando o êxodo de trabalhadores migrantes das cidades para suas casas nas aldeias.

Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil

No caso de prolongados e amplos bloqueios nacionais, o relatório alertava para o pior cenário econômico já visto em toda a região este ano.

LEIA MAIS 

https://www.euqueroinvestir.com/acoes-asiaticas-compras-nomeadas-bnp-paribas/

https://www.euqueroinvestir.com/surto-de-coronavirus-deve-impactar-diretamente-o-pib-mundial-em-2020/