Balanços: GOLL4, AZUL4, LREN3, RADL3 e MGLU3 vão mostrar resultados distintos

Osni Alves
Jornalista | osni.alves@euqueroinvestir.com
1

Crédito: Magazine Luiza/Divulgação

As companhias Gol (GOLL4), Azul (AZUL4), Localiza (LREN3), RaiaDrogasil (RADL3) e Magalu (MGLU3), entre outras, devem divulgar seus balanços referentes ao primeiro trimestre de 2020 em maio. Os resultados trarão os impactos do coronavírus e o mercado está atento a isso.

De acordo com a XP Investimentos, esses números esclarecerão se as medidas de contenção da pandemia foram satisfatórias.

Isso porque empresas, empreendedores e investidores estão ávidos por retomar as operações, que foram suspensas de forma parcial ou integral.

A temporada de balanços diz respeito ao período entre janeiro e março. Para a gestora, os números reportados talvez importem menos do que o normal nesse trimestre.

“A crise chegou ao final do trimestre e as quarentenas se iniciaram principalmente em março. Assim, várias empresas não terão impactos tão relevantes neste período, e veremos esse reflexo principalmente acontecendo agora”, informou.

A gestora diz acreditar que as teleconferências serão mais importantes que os números do trimestre em si.

Os investidores devem se debruçar sobre as seguintes questões:

– Impactos diretos e indiretos sobre as cadeias de suprimentos, sobre a demanda e nas operações de cada companhia;

– Planos de preservação de caixa e de capital durante a crise, incluindo possíveis retenções no pagamento de dividendos;

– Endividamento de curto prazo, caixa disponível e refinanciamento da dívida feito (montante e custo) até agora;

– Renegociações em curso com fornecedores, funcionários, clientes e outros (como aluguéis de imóveis, fretes, hedges, etc);

– Expectativa dos executivos para o 2º trimestre e para o restante do ano;

– Efetividade ou não dos benefícios e medidas anunciadas pelo governo até agora;

– Setores mais impactados serão o grande foco da temporada de resultados.

Fonte: tradingview.

Setores

Para a XP, os investidores devem estar mais atentos aos seguintes setores:

– Transportes: não é segredo que o setor aéreo é o mais afetado nessa crise, e os resultados da Gol (GOLL4), em 9 de abril, e Azul (AZUL4), em 14 de maio, vão ser acompanhados de perto pelo mercado, que tentará entender qual o fôlego essas empresas terão nos próximos trimestres, como estão as renegociações com grandes fornecedores, as medidas de emissão de debentures conversíveis anunciadas pelo governo e quais são os planos para a retomada das atividades.

Fora do setor aéreo, os resultados das locadoras de automóveis também serão relevantes, como a Localiza (RENT3), em 28 de abril, e também do setor de concessões rodoviárias, como CCR (CCRO3), em 15 de maio, e Ecorodovias (ECOR3), em 6 de maio.

Fonte: tradingview.

– Varejo e Shoppings: a quarentena forçada levou grande parte dos varejistas a fechar suas lojas físicas e migrar seu fluxo de clientes para o digital e e-commerce.

Planos de digitalização foram acelerados de meses e anos para dias, e consumidores fizeram a migração de hábitos também em questão de dias.

Porém, os números devem mostrar grandes dispersões entre os tipos de varejistas (duráveis vs. não duráveis) e pela exposição maior ou menor a lojas físicas e varejo online.

A Lojas Renner (LREN3) e a Raia Drogasil (RADL3) serão as primeiras varejistas a reportarem, no dia 28 de abril.

Fonte: tradingview.

Outros resultados

Outros resultados que os investidores deverão focar em Varejo são: Hering (HGTX3), em 30 de abril, Via Varejo (VVAR3), em 13 de maio, Vivara (VIVA3), em 14 de maio, e Magazine Luiza (MGLU3), em 25 de maio.

No setor de shoppings, Multiplan (MULT3), em 29 de abril, Iguatemi (IGTA3), em 5 de maio, e Aliansce Sonae serão bastante aguardados também.

Fonte: tradingview.

– Bancos: enquanto os impactos nos bancos devem ser modestos no curto prazo, pois a crise se iniciou ao final do primeiro trimestre, questões como aumento de provisões para inadimplências, spreads de crédito no cenário atual e impacto das várias medidas recentes do Banco Central de aumento de liquidez e efetividade das linhas especiais de crédito parcialmente financiadas pelo Tesouro.

Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil

Dos grandes bancos, Santander Brasil (SANB11) reporta dia 28 de abril, Bradesco (BBDC4) reporta em 30 de abril, Itaú (ITUB4) reporta dia 4 de maio e Banco do Brasil (BBAS3) em 7 de maio.

– Commodities: o setor de commodities será relevante para que investidores mensurem como foram os impactos da crise na China durante o período entre janeiro e março e como está se dando a recuperação das atividades já em maio.

A Vale (VALE3) é a primeira a reportar, no dia 28 de abril, Klabin (KLBN11) reporta dia 4 de abril, Gerdau (GGBR4) em 6 de maio, Petrobras e Suzano (SUZB3) dia 14 de maio.

Fonte: tradingview.

– Saúde: dado que a crise atual é principalmente uma crise de saúde, esse setor deve ser acompanhado de perto pelos investidores.

Hapvida (HPVE3) reporta dia 8 de maio, Intermédica (GNDI3) dia 11 de maio e Sulamerica (SULA11) em 13 de maio pelas seguradoras.