B3 (B3SA3) divulgará valor diário de mercado de empresas listadas

Fernando Augusto Lopes
Redator e editor
1

Crédito: Reprodução / B3

A B3 (B3SA3), a quinta maior Bolsa de Valores do mundo, passa a disponibilizar, a partir desta terça-feira (2), informações diárias sobre o valor de mercado de todas as companhias listadas.

O arquivo em planilha excel está disponível na página “Valor de mercado das empresas listadas”, e dispõe de informações como valor em reais (R$), variação em relação ao último pregão, valor em dólar (US$) e variação em dólar com o último pregão.

A primeira tabela, do fechamento de 1º de junho, tem comparações com o pregão de 29 de maio, o último do mês. O do dia 2 terá compoaração com o do dia 1º e assim por diante.

Valor total

O valor de mercado – também chamado de market cap – de uma companhia listada em bolsa é calculado multiplicando a base acionária, ou seja, a quantidade de ações da empresa, pelo preço individual de cada classe de ações.

Assim, o valor varia diariamente, de acordo com a variação dos preços das ações de cada companhia em bolsa.

“Será possível consultar informações do histórico diário e mensal do período, por meio do download de planilhas”, esclarece a B3.

“O formato anterior restringia as informações de market cap apenas para companhias que integravam o IBRX-100 e o Ibovespa, dois dos principais índices do mercado brasileiro. Com a nova tabela, será possível consultar, de maneira individual, o valor de mercado e suas variações para cada uma de 330 companhias com ações negociadas na B3”, afirma.

O IBRX-100 é formado pelos 100 ativos mais negociados. Ele, pela primeira tabela divulgada pela B3, tem um valor acumulado de R$ 3,300 trilhões (variação positiva de 1,54% em relação ao pregão de 29 de maio) ou US$ 615,302 bilhões (variação de mais 2,72%).

Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil

Os ativos do Ibovespa valem R$ 3,096 trilhões (variação positiva de 1,52%) ou US$ 577,245 bilhões (mais 2,70%).

O total geral dos 330 papéis listados chega a R$ 3,697 trilhões (mais 1,49%) ou US$ 689,350 bilhões (mais 2,67%).

As mais valiosas

Como exemplo, é possível identificar que a própria B3 vale R$ 93,752 bilhões, com baixa de 0,04% com relação ao pregão anterior, ou US$ 17,478 bilhões, com alta de 1,12%.

As mais valiosas no dia 1º de maio eram a Vale, com R$ 282,296 bilhões ou US$ 52,628 bilhões; a Petrobras, com R$ 269,808 bilhões ou US$ 50,300 bilhões; e o Itaú-Unibanco, com R$ 226,462 bilhões ou US$ 42,219 bilhões; as únicas que passam da casa dos R$ 200 bilhões.