B3 (B3SA3): investidor na bolsa cresce e soma 2,27 mi em março

Rodrigo Petry
Editor-chefe, com 18 anos de atuação em veículos, como Estadão/Broadcast, InfoMoney, Capital Aberto e DCI; e na área de comunicação corporativa, consultoria e setor público; e-mail: rodrigo.petry@euqueroinvestir.com.
1

Crédito: Reprodução/B3

Nem mesmo o cenário de alta volatilidade nos mercados acionários reduziu o número de investidores na bolsa.

Segundo a B3, o mês de março terminou com um total de 2,272 milhões de investidores ativos na bolsa, representando uma alta de 15,1% em relação a fevereiro.

Ainda conforme os dados divulgados nesta quarta-feira (15) pela bolsa, na comparação anual, o aumento atinge 125%.

Volume na bolsa

Desde o início da crise causado pela pandemia do novo coronavírus, em março, o volume financeiro médio diário também cresceu.

Em março, o volume financeiro médio de ações somou R$ 34,237 bilhões, aumento de 16,9% ante fevereiro.

Na comparação anual, o avanço foi de 110,6%.

No mercado à vista, o volume médio diário atingiu R$ 32,813 bilhões em março, aumento de 15,9% ante fevereiro e de 108,3% sobre março do ano passado.

b3-bal-min

Derivativos

No mercado de derivativos, o volume médio diário somou 5,734 milhões em março, uma expansão de 25% ante fevereiro e de 64,9% na comparação anual.

Enquanto as operações de juros em reais avançaram 104% na comparação anual, as de taxas de juros em dólares caíram 26,5%.

b3-2-min

Balcão

No mercado de balcão, em renda fixa, houve um aumento de 50,4% no total de novas emissões em março na comparação anual, e de 18,6% no estoque.

Em derivativos, a alta foi de 154,1% em novas emissões, ao passo que o estoque cresceu 62,7%.

b3-3-min