B2W (BTOW3) vai emitir R$ 3,1 bilhões em debêntures

Regiane Medeiros
Economista formada pela UFSC. Produz conteúdo na área de mercado de capitais, finanças pessoais e atualidades.
1

Crédito: Divulgação B2W

A B2W (BTOW3) informou na sexta-feira (20) a emissão de R$ 3,1 bilhões em debêntures. Será a 5ª emissão de debêntures simples da Companhia, não conversíveis em ações, em série única.

Segundo o comunicado, serão emitidos 3,1 milhões de papéis, no valor de R$ 1 mil cada um.

“Os recursos líquidos obtidos pela Emissora por meio da Emissão serão utilizados exclusivamente para o pagamento futuro ou o reembolso de gastos, despesas ou dívidas que ocorreram em prazo igual ou inferior a 24 meses”, disse a B2W.

Tio Huli, EconoMirna, Natalia Dalat e outros tubarões dos Investimentos.

Não perca!

As debêntures terão prazo de vencimento de dez anos e 1 mês a contar da data de emissão, com vencimento final previsto para 15 de dezembro de 2030, ressalvadas as hipóteses de liquidação antecipada.

Sobre o valor nominal unitário dos papéis, incidirão juros remuneratórios pré-fixados correspondentes a 6,9570% ao ano.

B2W aumenta emissão de bonds para US$ 500 mi

A B2W também anunciou nesta quarta-feira (18) que aprovou o aumento da emissão de bonds (títulos representativos de dívida) para US$ 500 milhões.

Assim, o valor da emissão passou de US$ 350 milhões para US$ 500 milhões, se elevando, consequentemente, em US$ 150 milhões.

A emissão será feita pela B2W Digital Lux, subsidiária da empresa com sede em Luxemburgo.

Segundo a B2W, o aumento se deu pela demanda apurada durante o processo de coleta de intenções de investimento e as condições de mercado apresentadas no processo de precificação.

A remuneração será de 4,375% ao ano, mantido o prazo de 10 anos e todas as demais condições da emissão.

Leia mais:

Construção concentra 25% dos IPOs do ano, mas ações registram queda

Dividendos: confira as ações mais recomendadas para novembro