Azul (AZUL4): tráfego de passageiros domésticos aumenta 13,2% em relação a janeiro de 2019

Fernando Augusto Lopes
Redator e editor
1

Crédito: Divulgação Azul

A Azul (AZUL4) informou nesta segunda-feira (8) os resultados preliminares de tráfego de janeiro de 2021,

O tráfego de passageiros doméstico (RPKs) aumentou 13,2% em relação ao mesmo mês de 2019, e a capacidade doméstica (ASKs) crescendo 17,6%.

Os números resultam em uma taxa de ocupação de 79,3%.

A demanda total de passageiros caiu 10,9% em janeiro, sobre o mesmo mês de 2019.

A oferta total registrou queda de 5,5% ante janeiro do ano passado e a taxa de ocupação ficou em 78,7%.

“Iniciamos o ano de uma forma muito positiva, como uma das poucas companhias aéreas do mundo, se não a única, a recuperar a capacidade doméstica para níveis acima de 2019”, disse John Rodgerson, CEO da Azul.

“Seguimos monitorando de perto os avanços da pandemia e o impacto positivo do esforço de vacinação, e permanecemos confiantes na retomada total da nossa capacidade no ano de 2021”, concluiu.


Divulgação: Azul

Vale (VALE3): Litela diz ter transferido ONs da mineradora aos seus acionistas

A Litela comunica que transferiu 504.801.150ações ordinárias de emissão da Vale (VALE3) de sua titularidade aos seus acionistas, ao preço unitário de R$ 37,94.

Dessa forma, o percentual de ações ordinárias de emissão da Vale detidas pela Litela passou a ser de 0,29%, desconsiderando as ações em tesouraria.

“A Litela, esclarece, ainda, que as ações foram transferidas na partilha antecipada de ativos, aprovada na Assembleia Geral Extraordinária iniciada em 10 de dezembro de 2020, suspensa, retomada e encerrada em 18 de dezembro de 2020.”

Ferbasa (FESA4): Trigono Capital atingiu 5,0476% das ações PN

A Ferbasa (FESA3 e FESA4) comunicou nesta segunda que a Trigono atingiu participação de 2.972.000 ações preferenciais (FESA4), através dos fundos sob sua gestão, na sexta-feira última (5). Assim, subiu para 5,0476% o total de ações em suas mãos.

De acordo com o comunicado da Trigono, tal alteração teve motivação exclusiva de investimento, não visando alteração do controle acionário da companhia ou de sua estrutura administrativa.

Monteiro Aranha (MOAR3): 10,95% do capital social da BrasilAgro (AGRO3)

A Monteiro Aranha (MOAR3) informa que passou a deter de forma indireta, por meio de fundo exclusivo, participação acionária na BrasilAgro correspondente a 10,95% do seu capital social.