Assessor de Investimentos, uma realidade inovadora ao investidor brasileiro

Pedro Moreira
Pedro Moreira é pós-graduado pela FGV e Assessor de Investimentos na XP Investimentos/Eu Quero Investir.

Crédito: Crédito da imagem: Gabrielle Pilotto/Eu Quero Investir

Um alerta se faz necessário para as pessoas que trabalham na área comercial do setor financeiro: o tempo de decisão do cliente precisa ser o seu momento de provar valores.

Para aqueles clientes em contato com o mercado financeiro, através dos bancos ou corretoras, existem dois tipos de profissionais nestes segmentos comerciais: um que simplesmente vende, e outro que lhe assessora.

Crédito da imagem: Gabrielle Pilotto/Eu Quero Investir

O vendedor é aquele que historicamente não pensa além do previsto (fazer mais e melhor), ele entrega o que lhe foi demandado e historicamente sempre carrega um interesse além da venda.

Sobre o que assessora, a imparcialidade e entrega são notáveis, e isso se deve tanto a formação técnica, quanto a remuneração, garantida via comissionamento por várias instituições que divulgam seus produtos na livre concorrência.

Em tese, esse cenário de oferta e demanda influencia especialmente os clientes, que com base em situações passadas passam a temer uma possível mudança, a de investir com orientação de assessores via corretoras, e não mais nos grandes bancos tradicionais, o que é um processo muito comum.

Para ficar mais fácil de entender “o medo do novo”, basta correlacionarmos por exemplo, a quantidade de profissionais assessores x habitantes país, para assim enxergar, que a nova profissão ainda conta com poucos profissionais. Eram cerca de 7.745 credenciados até o final de 2018, segundo a CVM.

Crédito da imagem: Gabrielle Pilotto/Eu Quero Investir

Podemos definir o Assessor de Investimentos como: um profissional altamente qualificado, disponível em tempo integral e que com total imparcialidade enxerga a necessidade do cliente de forma única, proporcionando, os principais produtos do momento, com melhores rentabilidades e contínua proteção financeira ao seu patrimônio.

O que faz um Assessor de Investimentos?

[box type=”info” align=”” class=”” width=””]Atuar como preposto, distribuindo e mediando títulos e valores mobiliários, derivativos e quotas de fundos de investimentos, respeitando as normas impostas pelas intuições que compõem o sistema de distribuição de valores mobiliários. Este é o papel de um Agente Autônomo de Investimentos (AAI), ou, Assessor de Investimentos. Na prática, isso significa que o Agente Autônomo de Investimentos ajuda o cliente a tomar as decisões certas na hora de investir o dinheiro. Cabe ao profissional AAI explicar o funcionamento das aplicações financeiras, tais como: ações, renda fixa, fundos de investimento, fundos imobiliários, derivativos e outros. Os Agentes Autônomos de Investimentos conhecem as regras do mercado financeiro, bem como os riscos e o retorno das aplicações. Por isso, são as pessoas certas para aconselhar e tirar as dúvidas de quem pensa e quer investir.[/box]

*Quer saber mais sobre a profissão Assessor de Investimentos, ou, Agente Autônomo de Investimentos? Clique e leia o nosso artigo: Agente Autônomo de Investimentos – Profissão – O guia.

Por fim, acreditamos que só existe uma forma de comprovar tudo o que um Assessor de Investimentos pode entregar: sendo presente, paciente e agindo de forma natural como alguém disposto ao sim, e, especialmente ao não. Desta forma o cliente confiará seus instintos e jamais duvidará da sua presença quando ele mais precisar. Portanto, seja você mesmo a motivação daquele que sempre é capaz de sonhar os sonhos dos seus clientes de forma ética, com inteligência e de maneira justa.

Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil

[youtube embed=”QmbCD5txExM”]

Seja um Assessor de Investimentos! Saiba como fazer parte da equipe EuQueroInvestir clicando aqui!

Se considera um investidor conservador? Então você está em risco de extinção!

O cenário econômico virou do avesso e o país já não é mais o mesmo.

As taxas de juros caíram à níveis jamais vistos no Brasil desde o final do governo Militar (imagem abaixo) e levaram os rendimentos de Renda Fixa para próximo de Zero (ou negativos no caso da poupança).

Italian Trulli

A nova equipe econômica está incentivando novos investimentos no país, e com isso já não é mais possível ganhar dinheiro confortavelmente na poupança e em CDBs comuns. Por isso, estamos declarando a Extinção do Investidor Conservador.

Se você faz parte dessa espécie de investidor que está em risco de extinção, confirme seus dados no formulário abaixo e fale com nossa equipe. Vamos te ajudar, sem dor e sem custo.