Assaí (ASAI3) estreia na bolsa com alta de 385%; GPA (PCAR3) desaba 65,84%

Cláudia Zucare Boscoli
Jornalista formada pela Cásper Líbero, com pós-graduação em Jornalismo Econômico pela PUC-SP, especialização em Marketing Digital pela FGV e extensão em Jornalismo Social pela Universidade de Navarra (Espanha), com passagens por IstoÉ Online, Diário de S. Paulo, O Estado de S. Paulo e Editora Abril.
1

Crédito: Divulgação

O Assaí (ASAI3) disparou 385% em sua estreia na bolsa nesta segunda-feira (1).

Os papéis, que iniciaram o pregão cotados a R$ 14,69, fecharam valendo R$ 71,40 na cotação das 12h54.

Praticidade e precisão, saiba quais melhores investimentos e como melhorar rentabilidade de suas ações

O preço de da ação ASAI3 foi definido a partir da cisão com o Grupo Pão de Açúcar (GPA). A divisão ocorreu na sexta-feira (26). O valor definido corresponde aos 17,7% que a empresa possuía no capital do GPA (PCAR3).

Em um movimento considerado natural pelo mercado, as ações do GPA caíram também com força, refletindo a cisão. A ação do Pão de Açúcar é a maior baixa do Ibovespa, com recuo de 65,84%, cotado a R$ 23,33.

Entenda a cisão

Houve uma cisão parcial do GPA, com a segregação da totalidade da participação acionária que o GPA detém em Sendas, subsidiária que controla o Assaí, e a entrega das ações de emissão de Sendas de propriedade do GPA aos acionistas do GPA.

Conforme o GPA, a reorganização visa liberar o pleno potencial dos negócios de cash & carry explorado sob a marca Assaí das demais atividades de varejo tradicional, permitindo que operem de forma autônoma, com administração separada e foco nos seus respectivos modelos de negócios e oportunidades de mercado.

Após a conclusão da operação, a Sendas será o maior pure player no segmento de cash & carry brasileiro de alto crescimento, com cerca de 185 lojas (no final de 2020) com atuação nacional.

Enquanto o GPA, junto com Éxito, será uma das maiores plataformas de varejo alimentar na América Latina. E terá mais de 1.300 lojas em 4 países do continente. Isto excluindo postos e drogarias. O grupo tem significativa participação de mercado e marcas fortes no Brasil e na Colômbia.

Balanço do 4TRI20 do Assaí

O Assaí registrou lucro líquido de R$ 299 milhões no quarto trimestre de 2020, crescimento de 59,9% na comparação com o quarto trimestre de 2019.

Conforme a companhia, o desempenho foi resultado da melhor performance operacional da empresa.

No ano, o lucro líquido somou R$ 1,003 bilhão, um aumento de 31,9% na comparação com 2019.

Money Week 5ª Edição

5 Dias de Evento | 70 Autoridades do Mercado Financeiro | 20 Horas de Conteúdo