Assaí (ASAI3) paga JCP de 0,04 por ação; Neogrid (NGRD3) compra Lett

Regiane Medeiros
Colaborador do Torcedores
1

O Assaí (ASAI3) aprovou o pagamento de juros sobre capital próprio (JCP) no montante bruto de R$ 63,33 milhões, equivalente a R$ 0,0470334275221436 por ação ordinária.

O pagamento será efetuado em 14 de outubro, com base na posição acionária do dia 5 de outubro. As ações do Assaí passarão a ser negociadas ex-juros a partir de 6 de outubro.

Neogrid (NGRD3) fecha contrato de compra da Lett por R$ 38,454 milhões

A Neogrid (NGRD3) comunicou a compra da Left serviços de informação, companhia especialista em Trade Marketing Digital, pelo montante de R$ 38,45 milhões.

A recém adquirida foi fundada em 2014 e atualmente registra R$ 10,6 milhões em receita recorrente anual contratada, com taxas anuais de crescimento composto superiores a 125%.

Banco do Brasil (BBAS3) emite dívida sênior

O Banco do Brasil (BBAS3) precificou a captação internacional de dívida sênior no montante de US$ 750 milhões.

O vencimento está previsto para 30 de setembro de 2026, com cupom de 3,25% a.a.

Segundo o BB, os recursos da captação serão utilizados para a recompra de US$ 724,56 milhões de dívidas seniores anteriormente emitidas pelo Banco.

Ultrapar (UGPA3) oferece direitos de preferência

A Ultrapar (UGPA3) informou que ofereceu aos seus acionistas o direito de preferência para subscrição de ações ordinárias de emissão da Oxiteno.

Segundo a companhia, serão ofertadas, no mínimo, 36.457.574 e, no máximo, 42.891.264 ações.

Os direitos de preferência serão assegurados aos acionistas titulares de ações de emissão da Companhia no final do pregão do dia 30 de setembro.

Eletrobras (ELET3): ANEEL finaliza fiscalização da Chesf

A Eletrobras (ELET3) informou que a Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL finalizou a fiscalização do laudo de avaliação da Companhia Hidrelétrica do São Francisco – Chesf.

Com isso, foram homologados os valores definitivos do ciclo 2018/2023 da Receita Anual Permitida – RAP.

Com as alterações, a RAP revisada da Chesf neste contrato, na data-base de Jun/2018, foi alterada para R$ 2,9 bilhões.

Azevedo e Travassos (AZEV4) assina memorando que propõe a compra do Grupo Engecampo

O grupo Azevedo e Travassos (AZEV4) assinou memorando de entendimento que propõe a compra do Grupo Engecampo.

Fundado em 1987, o Grupo Engecampo possui atuação relevante em todo território nacional, tendo executado operações dos mais diversos graus de complexidade.

Com sede em Porto Alegre, o Grupo presta serviços de manutenção industrial, Obras Civis, Construção e Montagem Eletromecânica, nas modalidades contratuais por preços globais ou EPC, atuando, principalmente, nos setores de Óleo & Gás, Mineração, Petroquímica, Siderurgia, Saneamento e Energia.

Banese detecta consultas indevidas

O Banese informou que sua área técnica detectou consultas indevidas a dados relacionados a 395.009 chaves PIX, a partir do acesso de duas contas bancárias de clientes do Banese.

A companhia comunicou ainda que o evento não afetou a confidencialidade de senhas, histórico de transações ou demais informações financeiras de seus clientes.

Eldorado Brasil conclui emissão de R$ 500 mi em debêntures

A Eldorado Brasil concluiu a 3ª emissão de debêntures simples no valor de R$ 500 milhões, as quais foram vinculadas a uma operação de securitização de direitos creditórios do agronegócio via emissão de CRA.

Os títulos têm prazo de vencimento de seis anos, com remuneração prevista de 7,19% a.a., e possibilidade de recompra em 3 (três) anos.

Orizon (ORVR3) vence leilão de geração energética

A Orizon (ORVR3) informou que sua controlada, a Foxx URE-BA Ambiental, se sagrou vencedora do leilão de geração n° 8/2021-ANEEL de 2021.

A URE-BA comercializará anualmente 105.120 MWh, o equivalente a 75% de sua capacidade, a um preço de R$ 549,35/MWh, totalizando R$ 1,155 bilhão.