Como calcular a rentabilidade dos seus investimentos

Não importa se você já investe ou é apenas um entusiasta do assunto, o fato é que em tempos onde a Selic (Taxa Básica de Juros) vive seu patamar de baixa histórica (atuais 6,5%), os investimentos em renda fixa no Brasil, precisam mais do que nunca de assertividade no momento da escolha.

O exemplo mais gritante é o da caderneta de poupança. Eu sei, já lhe disseram que é um péssimo investimento, mas você já parou para analisar quanto a poupança rendeu em 2018?

Sempre que o Banco Central define uma taxa de juros abaixo de 8,5%, ativa-se o gatilho que determina que o rendimento da poupança passa a ser de 70% do CDI + TR. Mas o que isso quer dizer na prática?

Em 2018, a poupança rendeu apenas 4,62% (retirando os 70% ao longo dos 12 meses). O que parece pouco fica ainda pior se levarmos em conta a inflação, ou seja, a perda do nosso poder de compra. O IPCA acumulado no período foi de 3,75%, o que nos leva a uma rentabilidade real de míseros 0,84% ao ano!

1 1 - Como calcular a rentabilidade dos seus investimentos


Se você pensa que esta baixa rentabilidade é exclusividade dos investimentos em poupança, está enganado!

Muitos bancos, em especial os grandes (Itaú, Bradesco, Banco do Brasil, Caixa Federal e Santander), oferecem CDBs com rendimentos muito próximos a 70% do CDI.

Antes de simular seus investimentos…

Para simular com os dados acumulados de 2018, tenha em mente que:

  • O CDI acumulado em 2018 foi de 6,42%
  • A inflação acumulada em 2018 foi de 3,75%
  • O rendimento acumulado da poupança em 2018 foi de 4,55%

Quer uma ajuda gratuita com os seus investimentos?

Se você quer obter retornos em investimentos acima da média e receber o suporte de uma assessoria de investimentos (sem custos nem taxas extras),  preencha o formulário abaixo para que eu possa verificar, e se possível, indicá-lo para uma assessoria gratuita em sua região.

Calculadora de Investimentos

 

 

Close