Aposentados podem bloquear ligações de bancos com oferta de empréstimo

Sabrina Oliveira
Colaborador do Torcedores
1

Crédito: Foto: @bearfotos / Freepik

Aposentados e aposentados que não desejam mais receber chamadas com ofertas de crédito faturáveis ​​podem se registrar no serviço “Não perturbe” dos bancos desde o início do mês. Para isso, é necessário registrar o telefone fixo ou celular vinculado ao número do CPF no site do serviço. O bloqueio entrará em vigor 30 dias após o procedimento se os bancos que aderiram ao sistema pararem de fazer ligações com as ofertas de empréstimo. As informações são do UOL.

Além de “não perturbe”, outras medidas para a autorregulação dos empréstimos consignados incluem o estabelecimento de um banco de dados para monitorar as reclamações causadas pela oferta insuficiente de crédito no banco central ou através da plataforma do consumidor. .gov.

Um total de 23 bancos aderiram ao serviço, que faz parte de uma iniciativa de autorregulação no setor bancário patrocinada pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban) e a Associação Brasileira de Bancos (ABBC) em colaboração com a Secretaria Nacional do Consumidor.

Participe do maior evento de investimentos da América Latina

Segundo a Febraban, as instituições financeiras que aderiram à iniciativa representam cerca de 98% da carteira de empréstimos do país. Uma vez registrada, a restrição de chamadas também abrange correspondentes bancários e amplia o escopo da medida. Em caso de violação do correspondente, os bancos devem impor sanções, caso contrário, serão aplicadas multas entre R$ 45.000 até  R$ 1 milhão.

“Teremos um termômetro de qualidade da atuação do correspondente, e com base no indicador de reclamações, os bancos irão adotar medidas administrativas, que vão desde advertência, suspensão, até o fim do relacionamento com o correspondente”, disse Amaury Oliveira, diretor de autorregulação da Febraban para a UOL.

Além disso, ações judiciais e um inventário de governança corporativa e gerenciamento de dados para correspondentes bancários serão considerados para criar um índice de qualidade que será publicado pela Febraban e pela ABBC em fevereiro.

O pensionista também deve estar atento a fraudes. No momento do registro, a plataforma de serviço “Não perturbe” indica que não possui aplicativos para smartphones, que não envia e-mails com arquivos executáveis ​​ou que solicita dados pessoais ou dados bancários diretamente dos usuários.

As instituições financeiras que aderiram ao “Não Perturbe”, são: Agibank, Alfa, Banco do Brasil, Banco do Nordeste, Banrisul, Barigui, Bradesco, BMG, BRB, Caixa, Cetelem, CCB, Daycoval, Estrela Mineira, Inter, Itaú, Mercantil, Pan, Paraná Banco, Safra, Santander, Sicredi e Votorantim.