Aplicativos facilitam aplicações na Bolsa de Valores. Conheça os melhores

Juliana Gusmão
null

Crédito: Imagem - (Reprodução-btgpactual)

Com a popularização e aperfeiçoamento dos aplicativos, investir se tornou mais fácil. Além aplicar seu dinheiro em renda fixa ou variável, alguns deles controlam suas finanças.

Para os que procuram investir na bolsa de valores, sugerimos que se dê preferência ao índice Ibovespa. Um fundo de ações também pode ser interessante. É importante que comece investindo cerca de 5% ou 10% de seu portfólio. Até adquirir conhecimento suficiente para investir em variados papéis da bolsa.

Os serviços desses aplicativos incluem apresentar os investimentos e suas variações e permitir a compra e venda de ações.

Antes de decidir em qual ação apostar seu dinheiro, vamos ajudar a decidir qual plataforma combina mais com seus interesses.

Conheça os 3 melhores aplicativos para investidores

1- XP Investimentos:

A corretora XP investimentos proporciona investir em menos de 30 segundos. O que parecia impossível, a maior empresa independente de investimento do Brasil, fez.

Com o celular na mão, você pode investir com muita facilidade em várias opções para rendimento financeiro. Assim, a bolsa de valores também está no catálogo. Salvo que iniciantes recebem conteúdos bem explicados para começar a lucrar.

Para investir utilizando o aplicativo basta abrir uma conta na XP (https://xpi.com.br). Você escolhe quanto quer transferir para a conta e começar a investir. Logo depois já é possível baixar o aplicativo. Ele já está disponível para IOS, e Android.

2- Rico

O aplicativo da Rico Investimentos permite comprar e vender ativos na Bolsa de Valores. Além de oferecer acompanhamento de aplicações, para te ajudar na tomada de decisões.

O primeiro acesso na plataforma coleta respostas para definir o perfil do investidor. Logo após, é necessário criar uma assinatura eletrônica.

3- Bradesco Corretora

A ferramenta proporciona buscar ações, indicações das melhores ofertas, dados sobre cotações, além de gráficos para análise. Para quem estão começando a investir, existe a opção “aprenda”, com orientações de como investir na Bovespa. Contudo, quem ainda não é cliente do banco precisa criar uma conta virtual, em seguida, baixar o aplicativo.

LEIA MAIS:

Tesouro Nacional realiza captação de recursos no exterior

Em meio à crise, governo anuncia pacote de reformas