ANS: suspensão de 11 planos de saúde vale a partir de hoje

Marcello Sigwalt
null
1

Crédito: Site Brasil 247

A partir dessa quinta-feira (10), está automaticamente suspensa a comercialização de 11 planos, conforme já havia anunciado a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), na semana passada, divulgou a Agência Brasil.

De acordo com a determinação da autarquia, os planos suspensos não poderão ser comercializados para novos clientes e também terão de demonstrar melhora de resultados, após monitoramento durante um trimestre.

A suspensão atinge 11 planos de duas operadoras – oito pertencem à Unimed Norte-Nordeste e os três restantes são da Unimed de Manaus.

Ferramenta ajuda na escolha de suas ações de acordo com balanços

Negativa de cobertura

As punições decorrem de diversas reclamações, como negativa de cobertura assistencial, descumprimento de prazos máximos para a realização de consultas, exames ou cirurgias. Com a medida, a ANS pretende preservar o interesse de 25.722 usuários que, do contrário, seriam prejudicados.

As únicas exceções para recepção de novos beneficiários dos planos ficam para o novo cônjuge, filho de beneficiário ou de ex-empregados demitidos ou aposentados.

Contornos vetados pela ANS

A autarquia também vetou a possibilidade de comercialização de um novo plano de saúde semelhante ao que foi suspenso.

Em nota, a Unimed Norte-Nordeste explicou que “trabalha para melhorar serviços e que a prestação de serviços médico-hospitalares permanece inalterada e sem qualquer problema ou anormalidade”.

Atendimentos preservados

A empresa acrescenta, que “a suspensão da comercialização de alguns produtos não interfere no atendimento aos clientes de contratos vigentes”.

A Unimed de Manaus não se pronunciou sobre a medida.