ANP: 75º leilão de biodiesel negocia R$ 6 bilhões

Marcello Sigwalt
null

Crédito: Site Ubrabio

Sem arremates para mistura voluntária, o 75º leilão de biodiesel arrematou 1,19 bilhão de litros da commodity, apontou a Agência Nacional do Petróleo (ANP), nesta segunda-feira (31).

Sem margem

A maior parte desse montante (98,10%) procede de produtores detentores do ‘Selo Combustível Social, cujo preço médio de negociação chegou a R$ 5,043 por litro, sem contar a margem da adquirente.

Já o valor total negociado atingiu R$ 6 bilhões, com ágio médio indo a 20,64%, na comparação com a média ponderada de “preços máximos de referência” regionais, de R$ 4,18 por litro.

BDRs| Confira os papéis disponíveis para Investimentos

Quais os melhores investimentos para 2020? Conheça nossas sugestões aqu

Apresentação de ofertas

Da etapa de apresentação das ofertas (em conformidade à mistura obrigatória), em 3 de agosto último, participaram 42 produtores, em que foram disponibilizados os referidos 1,19 bilhão de litros.

Na continuidade ao processo de leilão de biodiesel, nos dias 20, 21, 24,25, 26 e 27 do corrente mês, o montante arrematado correspondeu a 1,17 bilhão de litros do produto. Tal volume provém exclusivamente dos detentores do Selo Combustível Social – 98% do total ofertado.

Não detentores

Somente na etapa de reapresentação de oferta, em 27 de agosto último, o arremate somou 22,6 milhões de litros de biodiesel de produtores não detentores de Selo Combustível Social – 1,9% do total ofertado.

Como todo volume disponível foi negociado nas etapas para atendimento à mistura obrigatória, não foi necessário realizar etapas específicas para a mistura voluntária.

De acordo com a ANP, os leilões de biodiesel atendem à lei nº 13.263/2016, e à Resolução nº 16/ 2018, cujo objetivo é aplicar o cronograma de adição gradual obrigatória de biodiesel ao óleo diesel para consumo.

 

Aumente seus ganhos. Consulte nossa Planilha de Monitoramento de Carteira