Análise de 40 milhões de viagens no Uber revela exatamente quanto as pessoas dão gorjeta

Weslley A. Santos
Colaborador do Torcedores
1

Crédito: Reprodução/Leon Neal/Getty Images

Nos Estados Unidos, uma análise de 40 milhões de viagens no Uber revelou exatamente quanto as pessoas dão de gorjeta aos motoristas. Dessa forma, foi constatado, ainda, que os homens dão mais gorjetas que as mulheres e, consequentemente, as mulheres recebem mais gorjeta do que os homens.

Contextualização inicial

Primeiramente, é importante saber que nos Estados Unidos o Uber tem uma funcionalidade extra se comparado ao Brasil.

Nesse sentido, os americanos possuem o costume de dar gorjetas, o que não é comum no Brasil.

Dessa maneira, o aplicativo da Uber nos Estados Unidos, desde 2017, possui valores pré-definidos de gorjeta. 

Assim, o passageiro, ao dar uma nota ao motorista, seleciona também uma quantia sugerida de gorjeta para ele.

Sendo assim, foi feito um estudo nos EUA para avaliar quais pessoas dão mais gorjeta, quais mais recebem e porquê.

A análise

A análise foi publicada na semana passada, nos EUA, e teve como co-autor o economista John List da Universidade de Chicago. 

Em soma, foi publicada pelo Instituto Becker Friedman, também da Universidade de Chicago.

Nessa perspectiva, após analisar 40 milhões de viagens, foi constatado que as gorjetas são dadas em apenas 16% delas.

Ademais, constatou-se que o valor médio da gorjeta é de US$ 3,11, ou um quarto da tarifa.

A relação entre gênero, idade e gorjeta

Com os dados obtidos, foi possível perceber que o gênero e a idade possuem uma ligação direta com a gorjeta recebida.

Assim sendo, o grupo que mais recebe gorjetas é o das mulheres mais jovens. Em conseguinte, quem lhes dá a maior parte das gorjetas são os homens em geral.

Nessa lógica, em cidades, onde a probabilidade de se ver o(a) motorista é reduzida, as gorjetas são bem menores.

“As mulheres recebem mais gorjetas do que os homens, e os homens dão mais gorjetas do que as mulheres”, escreveram os autores do estudo.

Além disso, os autores disseram que a idade e a qualidade da viagem também estão atrelados a gorjeta. Sendo assim, mulheres mais jovens recebem mais gorjetas do que qualquer outro grupo, segundo os autores.

analise-de-viagens-uber-gorjetas

Reprodução / MarketWatch

O gráfico acima mostra claramente a relação entre a idade, gênero e gorjeta recebida. Desse modo, a linha rosa diz respeito às mulheres, e a azul aos homens.

O que determina o valor da gorjeta recebida?

Os resultados da análise apoiam a teoria de que dar às pessoas uma seleção de gorjetas sugeridas afeta diretamente o quanto e quando eles darão de gorjeta.

“Em geral, as opções com padrão mais alto tendem a receber valores maiores de gorjeta. Contudo, há também uma porcentagem menor de viagens em que há o recebimento de uma gorjeta”, escreveram os autores do estudo.

“Esse resultado está de acordo com a literatura sobre as gorjetas que diz que o valor recebido está intimamente relacionado às normas sociais pré-estabelecidas”, completam.

Táxi vs Uber: quem recebe mais gorjetas? Por quê?

Os passageiros do Uber, de modo geral, dão menos gorjetas do que os do táxi. Dessa maneira, uma das causas apontadas pelo estudo são as sugestões de gorjetas pré-definidas no aplicativo.

Dessa forma, os passageiros do Uber tem a opção de dar sua sugestão de gorjeta somente após sair do carro, enquanto no táxi não.

Assim, quando a decisão de dar gorjeta é tomada em particular, as sugestões de valores possuem menor relevância, concluiu o estudo.

Nesse sentido, o valor médio das gorjetas sobe apenas 2,5% entre as opções de valores pré-definidos mais altos e mais baixos.

No entanto, pesquisas anteriores mostram que oferecer opções de gorjetas aos clientes aumentam a gorjeta média de táxis em 10%.

“A força das ‘cutucadas sociais’, ou qualquer rumo específico que uma ação pode tomar devido às normas sociais, diminui sem a verificação pública de uma ação”, constatou o estudo da Universidade de Chicago.

Dessa maneira, é mais provável que os clientes deem gorjetas adicionais para evitar se sentir constrangidos ou mesquinhos pelos poucos momentos que levam a sair de um táxi.

Não obstante, os clientes do Uber são avisados a dar gorjeta antes de saírem do carro. Assim sendo, além de terem sugestões para lhe auxiliarem a decidirem quanto darão de gorjeta, eles não precisarão decidir em última hora, o que diminui o valor dado de gorjeta.

Algumas outras informações do estudo:

  • Cerca de 60% dos clientes de viagens compartilhadas nunca dão gorjeta, enquanto apenas 1% dão.
  • Os homens dão gorjeta em 17% das viagens, enquanto as mulheres dão gorjeta em 14,3% das viagens.
  • Motoristas do sexo feminino tem até 12% mais gorjetas do que motoristas do sexo masculino.
  • Homens e mulheres motoristas com 65 anos ou mais recebem gorjetas na mesma proporção.
  • Os clientes do Uber dão gorjetas melhores entre às 3 e 5 da madrugada nos dias de semana, enquanto nas sextas e sábados às 6 horas da noite.
  • Motoristas com 5 estrelas de avaliação recebem duas vezes mais gorjetas do que os com 4,75 estrelas.

Compartilhamento de viagens

Atualmente, milhares de motoristas atendem ao mercado de “compartilhamento de viagens”.

“Os dados dos cartões de crédito e débito sugerem que, até 2018, 48% dos adultos americanos tentaram compartilhar a viagem pelo menos uma vez”, disseram os autores.

Nesse sentido, esses dados foram coletados no período de 18 de agosto de 2017 a 13 de setembro do mesmo ano. 

Ademais, a coleta foi nas seguintes cidades: Chicago, Boston, San Francisco, Salt lake City e Asheville, NC e a cidade universitária de Bloomington, Indiana.

Comentários dos autores

“Os experimentos de campo fornecem uma visão empírica do comportamento do consumidor que não seria possível de outra forma”, disse List, da Kenneth Griffing Department of Economics da Universidade de Chicago.

“Nesse caso, encontramos diferenças claras no comportamento de dar gorjetas evidenciadas por autoridades ambientais e fatores demográficos, como gênero, idade e carreira”, completou.

“Além disso, fomos capazes de ir além da simples medição e responder aos ‘porquês’ por trás das gorjetas”, acrescentou, de acordo com uma declaração oferecida pela Universidade de Chicago.

Dessa forma, o artigo foi co-escrito pelo economista Uri Gneezy, da Universidade da Califórnia, San Diego; Bharat Chandar , ex-aluno da Universidade de Chicago e atual doutorando da Universidade de Stanford; e Ian Muir, que trabalha na Lyft e é um ex-uber.

“Embora as preferências sociais afetem quase todas as facetas da vida, existem muitas questões em aberto sobre a economia das preferências sociais nos mercados”, eles disseram. 

“Aproveitamos uma oportunidade única para gerar um grande conjunto de dados para informar quem é, o que é, onde é e quando é a preferência social através das lentes de um experimento de campo de derrubada em nível nacional da plataforma Uber”, concluem.

Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil

Pessoas mais velhas dão maiores gorjetas

Pesquisas anteriores sugerem que clientes mais antigos costumam ser os mais generosos, principalmente quando se trata de serviços de compartilhamento de viagens. Contudo, nem todo mundo segue essa regra ao lidar com membros dos setores de serviços, diz um outro estudo.

Nessa perspectiva, semelhante ao estudo da Uber, outras pesquisas mostram que as pessoas mais velhas são as que têm a maior probabilidade dar gorjetas. 

Assim sendo, mais da metade dos norte americanos com 65 anos dão gorjetas de 20% ou mais em restaurantes, a mais alta de qualquer faixa etária, segundo a pesquisa recente divulgada pela CreditCards.com.

Dessa maneira, não importa se o assunto é uma viagem de Uber ou uma entrega de comida, os mais velhos continuam sendo os que mais dão gorjetas. 

Por que dessas diferenças?

“A sabedoria convencional diz que se você tem mais dinheiro, dá mais gorjeta”, disse Ted Rossman, analista de indústrias da CreditCards.com.

Nesse sentido, os mais velhos possuem uma maior quantidade de dinheiro devido a seu patrimônio já construído, enquanto os mais jovens não, o que acarreta, consequentemente, em maiores gorjetas.

Além disso, as dicas de gorjeta que o Uber sempre sugere fazem com que contribuam mais, algo que ainda não é uma norma social, mas foi encontrado no último estudo. 

Logo, é fato que quando as pessoas não sabem se devem ou não dar gorjeta, elas optam por não dar.

Referência / Fonte: This analysis of 40 million Uber rides reveals exactly how much people tip — and whether men or women are more generous (MarketWatch)

Se considera um investidor conservador? Então você está em risco de extinção!

O cenário econômico virou do avesso e o país já não é mais o mesmo.

As taxas de juros caíram à níveis jamais vistos no Brasil desde o final do governo Militar (imagem abaixo) e levaram os rendimentos de Renda Fixa para próximo de Zero (ou negativos no caso da poupança).

Italian Trulli

A nova equipe econômica está incentivando novos investimentos no país, e com isso já não é mais possível ganhar dinheiro confortavelmente na poupança e em CDBs comuns. Por isso, estamos declarando a Extinção do Investidor Conservador.

Se você faz parte dessa espécie de investidor que está em risco de extinção, confirme seus dados no formulário abaixo e fale com nossa equipe. Vamos te ajudar, sem dor e sem custo.