Alpargatas (ALPA4) registra queda de 46,4% no lucro do 1TRI20

Felipe Moreira
Felipe Moreira é Graduado em Administração de empresas e pós-graduado em Mercado de Capitais e Derivativos pela PUC - Minas, com mais de 6 anos de vivência no mercado financeiro e de capitais. Apaixonado por educação financeira e investimentos.
1

Crédito: Reprodução/Wikimedia

A Alpargatas informou nesta terça-feira (5) um lucro líquido de R$ 23,3 milhões no primeiro trimestre de 2020,  desempenho 46,4% inferior ao reportado no mesmo período do ano passado.

O lucro antes de juros, impostos, amortização e depreciação (Ebtida, na sigla em inglês) ficou negativo em 8,8 milhões, uma redução de 106,4% em relação ao primeiro trimestre de 2019. A margem Ebtida atingiu -1,2%, baixa de 17,9 pontos percentuais.

A companhia atribuiu o resultado a receita líquida retraída em todos os negócios da empresa advindo da pressão exercida pelo avanço da pandemia.

 

Fonte: Alpargatas

Operacional

A receita líquida totalizou R$ 747 milhões no primeiro trimestre, o que representa uma diminuição de 8,8%. A maior parte da receita da Alpargatas é proveniente do mercado interno, cerca de 73,6%.

Segundo a companhia, a redução na receita foi influenciada pelo cenário de negócios desafiador, advindo do avanço do coronavírus pelo mundo, que impactou todas as operações da Alpargatas no primeiro trimestre.

O lucro bruto somou R$ 360,7 milhões, uma redução de 12%. Já margem bruta atingiu 48,3%, queda de 1,8 p.p.

A companhia atribuiu a queda do lucro bruto principalmente pelo desempenho negativo da Havaianas Internacional.

As despesas gerais e administrativas totalizaram R$ 44,4 milhões no primeiro trimestre deste ano, ou 5,9% da receita líquida, o que representa uma queda de 13% no primeiro trimestre comparado com o mesmo período de 2019.

A Alpargatas explica que a redução das despesas é resultado de uma administração de despesas mais eficiente.

Investimentos

A Alpargatas investiu R$ 24,5 milhões no primeiro trimestre. Os aportes foram destinados para manutenção das operações e expansão das operações de varejo, transformação digital e projetos de ganho de eficiência fabril e de supply chain.

Caixa

A companhia encerrou o primeiro trimestre com um caixa líquido de R$ 329,5 milhões, resultante de saldo de caixa de R$ 1,433 bilhão e endividamento de R$ 1,103 bilhão.

‘Novo normal’

Diante da pandemia do novo coronavírus, a Alpargatas acredita que “está em curso uma grande transformação de perfil de consumo que chamamos de novo normal”.

Em nota, a companhia informou o processo de migração para vendas online e ressignificação do varejo físico. As vendas online estão apresentando performance exponencial em todas as marcas no e-commerce Direct-to-consumer (DTC) e nos principais canais de vendas online como marketplaces e varejo omnichannel.

Havaianas

Segundo a Alpargatas, o foco é crescer exponencialmente os canais de vendas online da marca Havaianas, tanto no país quanto no mercado externo e ampliar a liderança principalmente no Brasil em canais de autoserviço e conveniência nos segmentos alimentar, farma, moda e de franquias omnichannel.

Uma das formas mais eficientes de identificarmos o nosso perfil de investidor, é realizando um teste de perfil.

Você já fez seu teste de perfil? Descubra qual seu perfil de investidor! Teste de Perfil

A companhia ainda informou que fortaleceu os canais que continuaram abertos, como o canal alimentar, farma e e-commerce que representam cerca de 60% de nossas vendas no Brasil.