Almeida Junior Shopping Centers pede registro para ter ações em bolsa

Joana Kurtz
null
1

Crédito: Reprodução/Pixabay

A Almeida Junior Shopping Centers, maior empresa de shopping centers da região sul do País, protocolou na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) pedido para realizar uma oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês). O pedido, que está em análise, foi realizado na segunda-feira (17).

A companhia, fundada em Blumenau em 1980, detém marcas como Balneário Shopping, Continente Shopping, Garten Shopping, Nações Shopping, Neumarkt Shopping e Norte Shopping.

De acordo com o prospecto, a pretensão é fazer uma oferta pública de distribuição primária de novas ações. Simultaneamente, uma oferta de distribuição secundária de ações ordinárias de Jaimes Bento Almeida Júnior, único acionista da companhia.

Participe do maior evento de investimentos da América Latina

O capital social da Almeida Junior é de R$ 348,292 milhões, totalmente subscrito e integralizado, representado por 130 milhões de ações ordinárias, nominativas, escriturais e sem valor nominal.

Nos termos do artigo 6º do Estatuto Social, a companhia está autorizada a aumentar seu capital social. Desde que isso se faça mediante deliberação do conselho de administração. Tal aumento será realizado por meio da emissão de ações ordinárias, até o limite de 250 milhões de ações.

Destinação dos recursos

A Almeida Junior pretende utilizar os recursos líquidos obtidos por meio da oferta primária em expansões dos shoppings centers Continente, Garten e Norte. Além de focar no fortalecimento da estrutura de capital.

Parte dos recursos deve ainda ser direcionada ao pagamento de dividendos extraordinários declarados em 31 de dezembro de 2019 e refletidos nas demonstrações financeiras.

A companhia não receberá qualquer recurso decorrente da oferta secundária, que engloba a colocação da oferta secundária suplementar e da oferta secundária adicional, por se tratar exclusivamente de ações de titularidade do acionista vendedor.

Bancos

Os bancos participantes da oferta são o BTG Pactual, que é o coordenador líder, o Banco J.P. Morgan, o Bank of America Merrill Lynch, o Banco Itaú BBA e a XP Investimentos.

Novo ciclo de investimentos

Em 10 de janeiro, a Almeida Junior completou 40 anos de fundação e anunciou um novo ciclo de investimentos.

Para 2020, a empresa está otimista em relação ao bom desempenho da economia. Iniciou o ano com um novo e forte ciclo de crescimento.

“Vivemos um Novo Brasil que apresenta uma verdadeira disrupção nos aspectos econômicos – inflação, taxas de juros e reformas – aspectos estruturais fundamentais para o crescimento do país”, disse o empresário Jaimes Almeida Junior.

A empresa, que detém 71% de market share do mercado catarinense de shopping center, informou que, em 2020, iniciará a expansão do Balneário Shopping. A ideia é ampliar a área em mais 12 mil metros quadrados de ABL (Área Bruta Locável). Além de expandir e revitalizar a fachada do Neumarkt.

Fundada em Blumenau em 10 de janeiro de 1980, a Almeida Junior inaugurou seu primeiro shopping, o Neumarkt, em 1993. O mais recente, inaugurado em 2016, é o Nações Shopping.

A opção da companhia de shoppings tem sido concentrar os investimentos em Santa Catarina, estado com bons indicadores socioeconômicos.